Visualizações de páginas da semana passada

TODAS AS POSTAGENS DO BLOG

OBRIGADO PELA VISITA, SEJA BEM VINDO, ESPERO QUE GOSTE, VOLTE SEMPRE.
Loading...

Pesquisar este blog

terça-feira, 26 de abril de 2016

FALÊNCIA MÚLTIPLA DE TEORIAS.

Eu adoro assistir aos programas de documentários sobre tudo que é tipo de assunto, politica, evolução humana, geologia, paleontologia, policiais investigativos, óvnis  historia em geral, etc, e assistindo um desses programas no canal History eu vi uma reportagem muito interessante onde cientistas americanos ao estudarem um esqueleto muito antigo de um dinossauro, T.rex,  e por acaso descobriram no mesmo pequenos vestígios de radiação atômica, essa descoberta mexe a fundo com todas as teorias sobre o desaparecimento desses repteis gigantescos.
Os dinossauros teriam sido extintos
 por uma tremenda bomba atômica? 
Pois o que se supunha ate agora era que esses animais pre-históricos desapareceram devido a queda de um asteroide gigantesco com 12 quilômetros de circunferência  a 65 milhões de anos atras, na península de Yucatan no México, que causou um dano tremendo ao cair, levantando uma grande nuvem de poeira que tapou a luz do sol, e que por causa disso causou um efeito domino, destruindo as plantas que necessitavam da luz do sol para realizarem a fotossíntese  e que serviam de alimento a diversos animais herbívoros, que também, serviam de alimento a animais carnívoros.
A teoria dizia sobre a queda de um
 imenso asteroide, que teria causado um 
terrível dano em todo planeta.
Enfim os animais que sobreviviam das plantas não tinham mais alimento e morriam de fome, consequentemente também os animais carnívoros se alimentavam das carcaças dos mortos, mas quando não haviam mais carcaças, eles também morriam de fome, e pelo que se imaginava anteriormente, essa falência múltipla de alimentos, fez com que os dinossauros fossem extintos definidamente do planeta. Mas agora com essa nova descoberta pergunta-se qual foi verdadeiramente a causa da extinção desses repteis gigantescos da face da terra?
A prova de que existiram os dinossauros
 são os imensos esqueletos encontrados.
As bestas-feras, desapareceram para
 sempre da face da terra, e fica o 
grande mistério sobre isso.
Se haviam muitas duvidas sobre essa teoria, agora então foi tudo para o brejo, e os cientistas estavam crentes que tinham a resposta sobre a extinção dos dinossauros, mas agora eles voltaram de novo a estaca zero, tudo bem mas se não foi esse imenso asteroide o causador da extinção jurássica, então o que foi? Teriam sido destruídos por um bombardeio nuclear? Mas a 65 milhões de anos atras? Porque esse tipo de radiação é uma radiação exposta, dando a entender que os animais foram atingidos por alguma especie de bomba muito potente e destruidora, que tinha como componente principal átomos de energia atômica altamente radioativos,  como uma bomba atômica  pois mesmo depois de tudo esse tempo (65 milhões de anos), ainda restam alguns vestígios de radiação.
Um corpo dessa magnitude teria plenas 
condições em destruir toda vida do planeta,
 mas e os vestígios de radiação nuclear?
Haja vista que a contaminação por radiação nuclear dura cerca de 500 anos, e depois não fica mais nenhum vestígio, agora depois de dezenas  de milhões de anos, ainda haver sinal de radiação em um fóssil animal,  isso indica uma mega dosagem de radiação utilizada. Agora fica a pergunta quem se utilizou dessa potente arma, para destruir os dinossauros? Pois para a construção de uma bomba dessa magnitude é necessário de uma alta tecnologia de ponta e total domínio sobre  fissão nuclear. Esse se torna  mais um mistério em nosso planeta que levara muito tempo ainda para ser decifrado, se é que um dia se possuirá uma resposta plausível para todas essa perguntas.
Fonte BBC.
Postar um comentário