Visualizações de páginas da semana passada

TODAS AS POSTAGENS DO BLOG

OBRIGADO PELA VISITA, SEJA BEM VINDO, ESPERO QUE GOSTE, VOLTE SEMPRE.
Loading...

Pesquisar este blog

quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

INTERESSE E TRABALHO.

Antes foi a Holanda (fechou 8 presídios em 2012). Agora é a Suécia que acaba de fechar 4 presídios. Desde os anos 90 o mundo todo estava somente enchendo as cadeias. De repente, nasce uma tendência contrária. Será que vai se sustentar? Em vários países o número de presos está diminuindo. As causas? Redução da criminalidade, enfoque mais compreensivo em relação ao tema drogas, baixa reincidência, aplicação de mais penas alternativas, inclusive para pequenos roubos, para os furtos e lesões não graves etc. Por que Holanda e Suécia estão fechando prisões, enquanto Brasil e EUA estão aumentando os presos? Por que Noruega tem baixo índice de reincidência, enquanto são altos os índices no Brasil? Por que vários países estão diminuindo os presos e as prisões, enquanto o Brasil está fechando escolas para construir presídios?
Presos são iguais no mundo 
inteiro, o que muda são a prisões.
O fechamento de prisões e a 
redução da criminalidade é
 um sonho de toda a humanidade.
 Por que países como Suécia e Holanda dão tratamento ameno à questão das drogas, enquanto Brasil e EUA continuam com a mentalidade puramente repressiva? Uma boa pista que se poderia sugerir para entender essas abissais diferenças pode residir na cultura de cada país: patriarcal ou arterialista. Um ponto relevante consiste em examinar o quanto os países mais liberais já se distanciaram do arquétipo do Pai (patriarcal) para fazer preponderar o arquétipo da alteridade. No campo econômico, apesar de todas as crises mundiais e locais, as nações mais prósperas neste princípio do século XXI (países nórdicos, Suíça, Canadá, Japão etc.) são as mais cooperativas, as mais solidárias (ou seja, as que contam com menos desigualdades). As que seguem mais firmemente o arquétipo da alteridade (não o patriarcado). Trata-se, neste caso, de uma cooperação intencional, deliberada. 
Um grande investimento em escolas 
padrões, com certeza se reduziriam
 os investimentos na construções de prisões.
Uma equação facil de-se resolver,
 mas de difícil montagem.
O progresso econômico sustentável depende dessa prática cooperativa. Nenhuma sociedade é rica plenamente se grande parcela da sua população está mergulhada na miséria e na pobreza.O encarceramento em massa não leva à queda nos números da violência. Os EUA, apesar da 3º melhor posição no ranking entre os países de desenvolvimento humano muito elevado (IDH), apresentou uma taxa de 4,8 mortes para cada grupo de 100.000 habitantes, em 2010, ficando com a 5º maior taxa de homicídios entre os países com alto grau de desenvolvimento. Já se entre os cinco países melhores colocados no ranking do IDH, Noruega (1º), Austrália (2º), Holanda(4º) e Alemanha (5º), os EUA são o país com o maior número de mortes por 100.000 habitantes, registrando quase 5 vezes mais que o segundo colocado, a Austrália, que registrou em 2009 uma taxa de 1 homicídio para cada grupo de 100.000 habitantes.  
E a maioria das prisões se transformam em
 escolas do crime, graduando criminosos
 em diversas escalas de violência.
Plantando é que se colhe, e se plantando
 sementes ruins, se colhera ervas daninhas.
O país que detém o maior número de portes de armas per capita do mundo, tem recebido alertas do governo Obama para conter a violência. Um estudo do Martin Prosperity Institut (Gun Violence in U.S. Cities Compared to the Deadliest Nations in the World)Que compilou dados de vários órgãos, fez uma comparação das mortes por arma de fogo nas cidades dos EUA, comparando-as com as taxas de mortes dos países mais violentos pelo mundo. Descobriu-se que Nova Orleans, a cidade que mais mata por arma de fogo no país tem quase a mesma taxa de mortes que Honduras, o país que mais mata no mundo. Detroit foi comparada a El Salvador, Baltimore foi comparada a Guatemala, Miami foi comparada a Colômbia e Washington comparada a São Paulo. Da mesma maneira, o Brasil vem mantendo índices muito elevados de violência.
As condições de uma prisão indicam o
 interesse de um governo em administra-la.
uma situação que deveria ser levada a 
serio pelos governantes, para que essa 
situação não virasse uma bola de neve.
Uma nação que investe em livros hoje.
Reduzira os investimentos com algemas
 no futuro, e a população ficaria
 eternamente grata e feliz.
 Em 2011, segundo o Datasus, órgão do Ministério da Saúde, foram registrados 52.198 homicídios,  Em 2010, haviam sido registradas 52.260 mortes por homicídios. A política de segurança pública é cada vez mais falha, apesar dos milhões aplicados todos os anos erroneamente. Investe-se demasiadamente em construções de novos presídios e armamento da policia, enquanto o número de escolas é cada vez mais reduzido e tratado pelo governo com descaso. Que seja possível aprendermos com a Holanda, que conseguiu diminuir seus índices de criminalidade de forma brutal; educar e fornecer subsídios àqueles que estão ou já estiveram em situação de cárcere, oportunidades de educação e trabalho. E chega de ficar reformando as leis penais, iludindo a população que isso seria o suficiente para reduzir a criminalidade.
Fonte Jus Brasil.

CIBER MUNDO.

O início do extraordinário desenvolvimento do Japão deu-se no princípio do século XX, tendo-se posto rapidamente a par das inovações tecnológicas ocidentais após a abertura ao comércio e às relações internacionais (1853). De fato, com a derrota da Rússia em 1905, que então detinha uma das mais poderosas forças armadas a nível mundial, o Japão começou a afirmar-se militarmente. De facto, em 1931 tinha já anexado a Manchúria e em 1937 iniciou a invasão da China, enquanto que entre 1940 e 1945 controlava as zonas mais prósperas da China.
O T34 um robô com tecnologia 100%
 japonesa, consiste em um segurança 
que imobiliza um oponente atirando 
em cima dele uma inofensiva  
rede, e pode ser controlado pelo celular.
Desde o século XIX que o desenvolvimento industrial foi orientado pelo Estado, tendo-se criado a longo prazo uma sólida estrutura económica concorrencial, além do Japão se embeber da tecnologia e da cultura da China e assim criar bases sólidas para a estrutura interna do país (no que diz respeito à administração pública e criação de infraestruturas de transportes e energia). Estas realizações revelaram-se valiosas para o sucesso do país aquando da abertura ao comércio externo e sobretudo após a participação na Segunda Guerra Mundial, em que o Japão foi arrasado pelos bombardeios dos Estados Unidos (particularmente com as bombas atómicas caídas em Hiroshima e Nagasáki)
Geminoid F. é o nome de uma Robô japonesa que estreou nos palcos de uma peça de teatro chamada Sayonara. Geminoid F. atuou durante 20 minutos no festival de Artes de Tóquio. Hoje em dia no Japão os  robôs humanóides  dão banho em pacientes de hospitais, servem bebidas e cozinham mas é a primeira vez que um Robô se estreia numa peça de teatro. 
A Geminoid F. esteve todos os 20 minutos 
sentada no palco e estava sendo 
controlada por uma pessoa na platéia.
Mas não estamos nem um pouco afim de falar-mos de guerras e nem de tragédias, pois como diz um sabio provérbio popular, nada melhor do que um dia após o outro, e esse povo fantástico, especialista em dar á volta por cima, e superar todos os obstáculos, ja fizeram isso incontáveis vezes e ressurgiram do nada, e ejetaram como uma astronave destino ao futuro, sim o futuro os aguarda povo japonês pelas suas determinações e vontade de vencer e de viver.
Aeroporto Internacional de Kansai (Osaka, Japão)
É um aeroporto que surpreende por
 estar construído em uma ilha artificial
(no meio do mar, tecnologia 100% 
japonesa) próxima a península de Osaka
 por meio de uma ponte de 3 kilometros.
 Uma obra realmente deslumbrante
Á vida hoje parece estar em contraste com todo aquele ideal de crescimento em tecnologia e de uma economia sólida e competitiva, e como num passe de mágicas, ou feitiço ou sei lá o que, ruiu como um castelo de areia, mas nada disso sera suficiente para conter toda essa super energia, que em muito supera toda essa outra gerada pelos potentes reatores.Na onda dos carros e bicicletas com tecnologia verde, os pesquisadores japoneses agora se debruçam sobre projetos para a produção em série de ônibus elétricos.O veículo seria inspirado no Eliica(abaixo), um carro elétrico de oito rodas movido a bateria de íon de lítio, desenvolvido pela Universidade de Keio, em Tóquio.

O Eliica mede 5.1 metros, acelera de 0
 a 100 km/h em apenas quatro segundos
 e é capaz de chegar a uma velocidade de 370 km/h.

Nesse verdadeiro bombardeio destruidor, como se fossem pragas atacando em massa, e vindas de todos o lados, quase não dando nem tempo para se respirar, á certeza fundamental que fica escancarada é que não foi apenas o povo japonês que perdeu com isso tudo, mas fomos todos nós que os admiramos,  e ja nos acostumamos com o conforto das incontáveis criações aperfeiçoadas ao máximo por essas mentes hiper criativas e geniais.
Teatro Nô e Kyôgen, ícones 
da cultura japonesa.

Para falar apenas  uma pequena parte de tudo de bom que esse povo possui, seria necessário não só um Blog, mais sim varios Blogs, mas eu humildemente neste meu Blog, desejo a todo povo japonês, as demais pessoas que vivenciam esses drama, aos heróis que como os Kamikases do  passado, entregam suas vidas para que seus semelhantes tenham um futuro próspero e também um prospero restabelecimento e que Deus abençõe a todos.
Fonte bbc.

terça-feira, 12 de dezembro de 2017

CARRO AUTOMATICO.

As fabricantes de carros de luxo alemãs BMW,  Mercedes Benz e Audi, estão atraindo especialistas em software enquanto companhias de tecnologia como Google ameaçam ultrapassá-las na corrida para desenvolver um carro sem motorista.Conhecimento em software se tornou um novo campo de batalha para as montadoras de veículos e empresas de tecnologia, com carros precisando de linhas de códigos que conectem motor elétrico, smartphones e freios quando o sistema de radar identifica um obstáculo à frente. Sem reforçar seus conhecimentos digitais, as montadoras alemãs vão enfrentar dificuldades para oferecerem novos recursos sofisticados, como direção autônoma e serviços de compartilhamento de carros para competirem com novos rivais como Google e Uber.
Um veiculo totalmente controlado
 por GPS e computadores de bordo, 
ao qual o motorista se tornaria 
em um simples passageiro.
Existem varios desse modelos em 
varias partes do mundo em fase de testes.
Alem do GPS e computadores de
 bordo esse veiculo vem equipado com sensores de altíssima definição que percebem um minimo movimento
 em frações de segundos.
"O que as companhias de carros estão fazendo é contratar pessoas geralmente fora do setor automotivo. Algumas companhias há alguns anos atrás não tinham um departamento de carro conectado. Todas têm isso agora", disse o presidente-executivo da Magma People, Malcolm Earp. Em agosto BMW, Audi e Mercedes disseram que vão pagar cerca de 2,5 bilhões de euros (US$ 2,8 bilhões) para comprar a divisão de mapas digitais da Nokia, ultrapassando rivais de tecnologia em um dos serviços vistos como uma das chaves para o futuro dos carros que não precisam de motorista. No último exemplo de cruzamento entre os setores de tecnologia e automóveis, o Googlenomeou o veterano John Krafcik, ex presidente-executivo da  Hyundai Motors America para conduzir seu projeto de carro autônomo.
Um veiculo que reconhece automaticamente
 um percurso, e que não infringe as leis 
de transito seria um pesadelo as 
industrias de multas de certos países.
O carro dos sonhos que muito
 breve podera estar andando
 pelas ruas das cidades.
O modelo da Mercedes Bens alem 
de autônomo, também é lindíssimo, 
A força de trabalho da BMW cresceu 6,2%, para 119.489 no final de junho, com a montadora afirmando que vai continuar a recrutar funcionários em 2015 para ajudar "no desenvolvimento de novas tecnologias, incluindo a cada vez maior escala de digitalização"Na Audi, houve aumento de 8% nos postos de trabalho entre janeiro e junho, para 81.640 funcionários. A montadora planeja adicionar mais 6 mil empregados para "apoiar o desenvolvimento de tecnologias pioneiras, bem como para expansão de nossas instalações internacionais".A controladora da Mercedes, Daimler, afirmou que o quadro de pessoal cresceu 1,6% no primeiro semestre do ano, para 284.441 e que o número ao final do ano deve ser maior que em 2014. Em junho, a Daimler Trucks comprou a fornecedora de informações de telemetria Zonar Systems para ajudar no lançamento de serviços como diagnóstico de veículos por satélite voltados a operadoras de frotas de veículos.
Fonte G1 Noticias.

VISÃO REMOTA.

A Visão Remota (VR) é uma forma de projetar-se mentalmente até outra pessoa ou a um local distante e observar com seus olhos interiores o que está ocorrendo lá, o que a pessoa focalizada está fazendo e/ou os detalhes do local distante. Sua consciência mental é simplesmente expandida até esse local distante. Esta técnica pode ser aprendida para permitir aos usuários decifrar, psiquicamente, imagens de pessoas, lugares, locais e objetos sem conhecimento prévio do alvo. A Visão Remota (VR) é classificada como um fenômeno psicológico e está relacionada a outras ocorrências parapsicológicas. De um lugar remoto e sem pistas, um utilizador da visão remota é capaz de deduzir características gerais de um alvo. A VR é uma capacidade inerente a todos para obter interpretações detalhadas de eventos distantes, sejam elas passado, presente ou futuro. A Visão Remota (VR) data desde a Grécia e foi trazida novamente à vista da sociedade moderna pela CIA, que fundou um grupo de pesquisadores de VR no começo da década de 70.
Aquele que possuir a capacidade do controle
 total da mente, também possuirá 
grande parte do controle do universo.
Algumas pessoas em especial,
 possuem grande clarividência 
nata, porem falta-lhes o domínio.
Não era um segredo mundial o fato de que a União Soviética mantinha um serviço de espionagem psíquica nos tempos da guerra fria. Os russos possuíam psicobiofísicos (como preferiam chamar os parapsicólogos) de um grande gabarito: Naumov, Leonid Vasiliev e outros, apesar do “sistema” então vigente. De vez em quando, corriam notícias acerca de “top secrets” dos Estados Unidos divulgados a partir da União Soviética o que, evidentemente, criava surpresa e mal estar aos americanos. Finalmente descobriu-se que a CIA não gasta milhões de dólares em vão investigando armas psíquicas, espiões psíquicos e psíquicos psíquicos! O programa tinha o nome de código “Stargate”, e foi usado em operações como seguir os movimentos do Generel Gadhafi da Libia. Entrevistada na TV, uma professora da Universidade da Califórnia em Davis, Dra. Jessica Utts, deu novas revelações sobre os seus estudos, que indicavam que Joe McMoneagle tem poderes psíquicos. O Sr. McMoneagle afirma que ajudou a localizar os reféns americanos no Irão durante a presidência de Jimmie Carter.
E para chegar ate esse nível altíssimo
 de clarividência, é necessário muita
 disciplina mental e física.
Monges tibetanos e budistas, se destacam 
por suas grandes capacidades
 em administrar esse controle mental.
 McMoneagle esteve no exército 16 anos, aparentemente servindo algumas vezes como espião psíquico.  Agora, como consultor psíquico civil, McMoneagle virou os seus talentos para feitos mais significativos, como a Dra. Utts demonstrou. Mostrou um desenho alegadamente feito por McMoneagle e declarou que tinha sido feito por visão remota. Um investigador foi até Altamont, famoso pela sua visão de milhas de moinhos de ventos ao longo de montes, e McMoneagle tentou ver o que o investigador em Altamont estava a ver. Claro que McMoneagle não estava a ver no sentido normal do termo, visto estar em Davis ou Chicago ou noutro lado qualquer. Estava a ver com poderes psíquicos o que o outro estava a ver com os seus olhos. O governo dos Estados Unidos usou a visualização remota durante a guerra fria sob os nomes de código Sun Streak, Grill Flame, Center Lane, e o mais famoso, projeto Stargate.
São frequências harmônicas  em transição
 que ricocheteiam necessitando 
de uma senha para se interagirem.
Qualquer pessoa pode conseguir
 alcançar esse estagio mental, basta
 apenas que se esforce para conseguir isso.
 Especula-se que o uso de RV ainda existe no governo americano, mas só sabemos sobre os projetos listados e alguns outros que foram descontinuados na medida em que a população dos EUA ficou preocupada. Algumas pessoas estão predispostas a utilizar a visão remota, mas qualquer um pode aprendê-la e ficar melhor em sua prática. O Professor Courtney Brown, expert em VR e autor de dois livros pioneiros nesta área, investiga, divulga o assunto com muita energia e garante que a faculdade da Visão Remota pode ser exercida pela maioria das pessoas. Ele afirma que é praticante e já conseguiu façanhas absolutamente extraordinárias. Courtney Brow diz que, em geral, não há necessidade da pessoa ter alguma capacidade paranormal, mas é essencial que o interessado em praticar a Visão Remota tenha muito tratamento e disciplina.
Fonte BBC.

segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

MÃOS SUJAS DE SANGUE.

A prescrição dos crimes é regulada caso a caso pelo Código Penal. Veja artigos 213 e 214 do Código Penal.
Art. 109 do Código Penal:
Prescrição antes de transitar em julgado a sentença
Art. 109 - A prescrição, antes de transitar em julgado a sentença final, salvo o disposto nos §§ 1º e 2º do art. 110 deste Código, regula-se pelo máximo da pena privativa de liberdade cominada ao crime, verificando-se: (Redação dada pela Lei nº 7.209, de 11.7.1984)
I - em vinte anos, se o máximo da pena é superior a doze;
II - em dezesseis anos, se o máximo da pena é superior a oito anos e não excede a doze;
III - em doze anos, se o máximo da pena é superior a quatro anos e não excede a oito;
IV - em oito anos, se o máximo da pena é superior a dois anos e não excede a quatro;
V - em quatro anos, se o máximo da pena é igual a um ano ou, sendo superior, não excede a dois;
VI - em dois anos, se o máximo da pena é inferior a um ano.

As vitimas não acham nenhuma 
graça, da justiça dar o direito aos 
criminosos de -se esconderem 
e depois voltarem limpos.
Esse negocio de prescrição de crime ou sentença é algo totalmente injusto, pois ao se beneficiar o réu criminoso com esse atuenuante penal, esquece-se mais uma vez das vitimas (alias parece mesmo que esse codigo penal visa apenas o bem estar do réu criminoso e não das vitimas)  e também dos prejuízos causados pelo criminoso, eu relembro de um fato muito chocante ocorrido  na cidade de Taubaté em  25 de Março de 1989, quando o estudante de medicina do sexto ano  Flavio Baumgart Rossi, por motivos desconhecidos ate hoje, em uma atitude de loucura e covarde, agrediu violentamente Leonidas Alan,  na epoca um bebe de nove meses que fora internado no  Hospital Escola de Taubaté, desferindo-lhe diversos socos no rosto, e mandando-o para a U.T.I.,  onde  duas enfermeiras  testemunharam contra ele na delegacia, afirmando terem visto o exato momento das agressões.

Leônidas Alan e sua família enfim

 hoje poderão viver um pouco melhor.
Por ser parte de uma família milionaria da cidade, seu pai na época era o dono do Shopping Center Taubaté, portanto uma família muito "poderosa",  daquelas que acham que por causa do seu alto poder aquisitivo, podem fazer o que bem entendem.  E a  lei, eles pisam nela quando bem entendem, e que ao verem que o filho demonio iria ser preso e condenado por essa barbárie, trataram de sumir com ele, para que não fosse preso, e foi realmente o que aconteceu, pelo seu grande poder aquisitivo, acredita-se que a família  tenha o enviado para os Estados Unidos ou Europa, onde deve estar até hoje, mas se voltar ao Brasil poderá ser preso.

Esse é um dos vários fatores que 
causam a alta impunidade no pais!
Mais isso não é verdade, pois mesmo com esse seu crime cruel contra uma criança indefesa  e sem nenhuma motivação, ele favorecido por essa prescrição de penas ou sentenças, ja pode retornar de onde estiver que a justiça não pode nem mais cita-lo sobre seu crime do passado, pois esse crime prescreveu exatamente no dia 13 de Dezembro de 2005, haja vista que ele fora condenado a no ano de 1993 a sete anos e quatro meses de prisão, mais não ficou sequer um dia preso, e por causa da lei, por esse crime nunca ficara preso. Em contrapartida, a vitima desse monstro,  o garoto Leonidas e sua familia passam por diversas dificuldades, pois ele teve traumatismo cranio-encefálico, e ficou com diversas sequelas pelas diversas pancadas no rosto, ficou cego, com dificuldade de locomoção, sua familia muito humilde não tinha condições de arcar com os tratamentos e os vários medicamentos.

A justiça brasileira esta capengando

necessitando urgente de uma bela reforma.
Mas ate que enfim uma noticia boa para essa familia sofredora e injustiçada, o S.T.F., de acordo com o Diário Oficial da União, a Unitau (Universidade de Taubaté), foi condenada a indenizar essa familia por essa agressão sofrida dentro dos seus aposentos, na quantia de R$ 2, 000.000.00 (dois milhões de reais) pois entende-se que  levando-se em consideração o grau de culpa, a posição do ofendido e a capacidade financeira da universidade. Portanto  28 anos após o ocorrido, agora a família poderá ter um pouco mais de tranqulidade para enfrentar suas dificuldades do dia causadas por um irresponsável e impune. Justissima essa decisão, mas agora e o verdadeiro criminoso? Aquele que foi o responsável direto por tudo isso? Bateu em uma criança, deixando-a com diversos traumas físicos e psicológicos, e nunca sera punido por isso!

Protesto em Copacabana, coloca 

em evidencia a banalização da vida humana.
Essa situação machuca muito as vitimas de crimes, pois em certas ocasiões, elas nunca mais terão o direito de ver novamente os seus entes queridos que foram mortos por alguem, mas em contrapartida, poderão dar de cara na rua com os criminosos, e em caso de prescrição de penas, sera ainda pior porque, o criminoso, não terá sido punido rigorosamente de acordo com o seu ato cruel, ao meu ver essa prescrição de sentença ou crime, absorve erradamente a ideia de que houvera-se um tempo determinado para que se localizasse e prendesse um indiciado, e se acaso não o for assim, então da-sse-lhe novamente o direito de ir e vir, sem que esteja devendo nada a justiça, mas esquece-se um pequeno detalhe, extinguindo-se a punição do autor, poderá então se alegar que não houve crime algum!

Apenas quem perde alguém, é que

 sabe quanto é infinita essa dor.
Mas acontece que existe a vitima, alguém perdeu um ente querido, ou alguem foi prejudicado em algo, então não se pode simplesmente desprezar isso, pois dara-se o direito a alguem de realizar algo ilicito, sumir ficar escondido, e quando der o tempo da prescrição, o elemento retorna dando risadas da cara de todo mundo, tem que se acabar com isso, para o bem dos bons costumes e pela valorização da vida humana, alguém que cometa um crime contra outrem, devera ter esse processo nas costas ate o fim de sua vida, só para encerrar esse assunto, eu tambem relembro a historia daquele ladrão ingres, o Ronald Biggs, que em 1963, juntamente com sua quadrilha assaltaram o trem pagador em  Buckinghmshire na Inglaterra, e a quadrilha inteira foi presa, menos o tal Biggs, que conhecendo todas as mazelas e as brechas da nossa justiça, teve um filho com uma brasileira, e mesmo com uma montanha de sentença para cumprir, não pode ser extraditado.

Um ladrão da pior qualidade, e que 

no Brasil era tratado como celebridade.
Mas nem por causa disso o seu crime prescreveu. Ate hoje não se sabe porque, ele se entregou as autoridades britânicas (pois estando aqui e aproveitando-se da lei, ele nunca cumpriria um dia sequer de sua sentença) e mesmo velho, cheio de problemas de saúde, voltou ao seu pais, e foi colocado na cadeia, para cumprir os seus trinta anos de condenação, pois entende-se que houve no passado um grande prejuízo a ordem  financeira e publica do pais, e entende-se que esse prejuízo não pode ser simplesmente absorvido, como se não tivesse ocorrido nada, pois como ja disse acima, houveram vitimas prejudicadas e em respeito a essas vitimas, os criminosos devem pagar pelos seus crimes, leve o tempo que levar.
So para se ter uma ideia como funciona a justiça em paises serios, que zelam e prezam pela vida humana, o estripador britânico de Whitechapel distrito periferico de Londres, um serial killer que atuou em 1888, cometendo varios crimes na cidade e todos com a mesma assinatura diabolica, ao qual lhe deu a alcunha de "Jack o estripador", a Scotland Yard, policia altamente especializada britanica nunca conseguiu identifica-lo, supôe-se que tenha sido alguem muito influente e com vastos conhecimentos em medicina, devido aos cortes realizados nas vitimas, com muita precisão cirurgica, então se esse demonio fosse identificado e preso agora com 129 anos de idade, seria processado e preso, sem nenhum atenuante, assim que tem que ser, prescrição de pena, é mais um troféu dado pela justiça aos criminosos cruéis e impunes.
Fonte BBC.

REPTILIANOS.

Em março de 1972, vários moradores de Loveland, Ohio, inclusive dois policiais, todos aterrorizados, disseram ter visto um bípede bizarro com cara de sapo, caixa toráxica inclinada, escamas cor de prata e rugas na cabeça, ao invés de cabelos. No verão de 1972, no Lago Thetis, Columbia Britânica, um homem réptil emergiu da água para expulsar dois rapazes da praia, um dos quais sofreu lacerações na mão, causada por seis pontas afiadas em cima da cabeça do bicho.Em agosto de 1955 na cidade de Evansville, Indiana, a sra. Darwin Johnson lutou com um agressor enquanto nadava no Rio Ohio, que logo fugiu, mas deixou uma palma esverdeada impressa em seu joelho e algumas marcas e arranhões, que a levaram a buscar socorro médico.
Um dito popular muito sabio 
que afirma onde existe fumaça
 existe fogo, e essa historia tem 
se repetido em muitos lugares 
e com pessoas diferentes.
Varios relatos pelo mundo
 inteiro, demostram a existência
 de uma criatura reptiliana
 vivendo entre nós.
Em um grande número de civilizações antigas, existiram manifestações de fé para figuras com as características dos homens lagarto. O Quetzalcóatl  da civilização Asteca ou o Kukulcan, para os Maias, que em ambos os casos significa "Serpente Emplumada" ou serpente de belas plumas, nos dá um primeiro indício dos répteis como ícones. Também na cultura egípcia encontramos com um Deus réptil ou melhor conhecido como o Deus crocodilo Sobek a quem é atribuído a graça da fertilidade, a vegetação e a vida humana. No Oriente Médio, existem alguns seres reptilianos que vão desde alguns djinn ou "demônios" a dragões, passando por homens répteis. Esta tradição data de imemoráveis anos. Num dos livros apócrifos supostamente o elo perdido de Jasher ou yashar é descrito como uma raça humana da serpente.
Seria esse ser um remanescente
 do período pré-histórico, um 
sobrevivente do caós jurassico?
Um ser repugnante, meio homem 
e meio lagarto, que de vez em 
quando aparece e desaparece
 como por encanto.
Na atualidade, existe na África a crença popular de que há milhares de anos atrás, desceu do céu uma raça de gente cuja fisionomia era similar à dos homens lagarto. A população Zulu, da África do Sul, transmitiu esta cultura através de suas gerações e ainda na atualidade podemos escutar a história de como estes reptilóides, que podiam mudar sua forma a vontade, tomavam em ocasiões a forma humana. E em alguns casos, os chefes das tribos casavam suas filhas com extraterrestres, com o objetivo de tentar uma raça com poder de reis e chefes de tribo. Existem na rede milhares de matérias sobre o legendário homem rã de Loveland na localidade de Ohio, Estados Unidos no ano 1955. Numerosos casos aconteceram desde aquele avistamento, no entanto, o mais célebre sucessor em anos recentes foi a loucura do homem lagarto que dizem ter aparecido em Bishopville na Carolina do Sul em 1988.
O americano Erik Sprague, um fanatico
 por repteis, realizou diversas cirurgias
 plasticas, para se parecer ao 
maximo com um deles.
Seria isso mais uma lenda urbana,
 ou seria algo muito mais serio
 do que imaginamos?
Outra criatura tambem muito conhecida
 através de diversos relatos o abominável
 homem das neves, onde existem 
ate fotos dele, mas nunca 
nenhum deles foi capturado.
Um homem disse que uma besta réptil de sete metros de altura, de olhos roliços e apêndices de três dedos perseguiu seu carro através de uma estrada rural a 40 milhas por hora. Um grande número de outros avistamentos seguiram-lhe, e os oficiais de policia descobriram várias impressões estranhas na região. Mas como todo grande enigma, ainda não foi dada a resposta fática ao acontecido. Interessante essa historia sobre esses seres anormais, que parece terem saido dos contos de terror diretamente para as cidades, o que de verdade existe nessas ocorrências, seriam mesmo esses seres repugnantes moradores das profundezas das nossas imaginações ou sera que eles existem mesmo? E seriam como os conhecidos pés grandes moradores das grandes florestas, que ja foram vistos por varias pessoas no mundo inteiro? Pelo jeito, somente mesmo com a captura de um desses seres, é que poderia-mos então afirmar sua existência, mas por enquanto ficaremos apenas na hipótese da teoria de sua existência.
Fonte Arquivo Ufo.