Visualizações de páginas da semana passada

TODAS AS POSTAGENS DO BLOG

OBRIGADO PELA VISITA, SEJA BEM VINDO, ESPERO QUE GOSTE, VOLTE SEMPRE.
Loading...

Pesquisar este blog

quinta-feira, 3 de novembro de 2016

STIGMA TORTURANTE.

Morreu aos 61 anos o ator Michael Massee, que ficou mais conhecido por uma tragédia que aconteceu durante as gravações do longa metragem O Corvo (1994). Massee atirou em seu colega de elenco, Brandon Lee, filho de Bruce Lee, no set de filmagem. O ator usou uma arma que havia sido erroneamente carregada com uma bala de verdade em vez de uma de festim pela equipe de produção do filme. Lee chegou a ser socorrido, mas morreu no hospital, durante uma cirurgia, em 31 de março de 1993, aos 28 anos. A morte de Massee foi confirmada por seu agente ao site da revista Variety nesta Quinta-Feira, (20) mas, na segunda, o ator Anthony Delon, que trabalhou com o americano na série Interventions, já estava prestando homenagens ao colega. 
Masse ficou por 22 anos carregando
 esse estigma da morte do amigo.
Deve ter sido muito duro acordar todos
 os dias e ter a lembrança da morte
 inusitada, sua cabeça deveria
 entrar em parafuso.
Não foram divulgadas outras informações sobre a morte do ator. Depois do acidente no set de O Corvo, Massee deu um tempo no trabalho. “Acho que você nunca supera algo como isso”, disse ele em uma entrevista em 2005. O americano de Kansas City atuou em mais de oitenta longas e séries de TV. Ele trabalhou em filmes como Seven: Os Sete Crimes Capitais (1995), O Espetacular Homem-Aranha 2: A Ameaça de Electro (2014)Estrada Perdida (1997). Massee deixou sua mulher, Ellen, e dois filhos. Um otimo ator, com grandes trabalhos realizados no cinema e televisão. Agora que ficou 22 anos com essa psicose de ter matado outro ator, alias seu amigo, em uma cena de um filme. Ele deve ter passado momentos terríveis, ao ter que conviver com essa sombria lembrança. 
Michael Massee, um grande ator
 especialista em papeis de vilões,
 porem fora de cena era um 
cara espetacular.
Ainda não foi revelada as causas da
 morte do ator Michael Massee, mas
 sabe-se que ele ultimamente estava
 muito doente e acamado.
Logicamente e comprovadamente foi um acidente, ao qual algum descuidado colocou uma munição verdadeira na arma que entraria em cena, mas mesmo assim, creio que ele deve ter encalacrado esse complexo de culpa, e carregado com ele ate o dia de sua morte. Brandon Lee foi um otimo ator, especialista em filmes de aventura, suspense e mistério, ao qual dava sua pitada especial tambem como exímio lutador, ao qual teve seu grande ensinamento vindo do pai a lenda do Kung Fu Bruce Lee. A família Lee segundo o avô de Brandon Lee e pai de Bruce Lee, Lee Hoi-Chuen. Era perseguida por uma estranha maldição. E segundo o pai de Bruce Lee era um demônio que perseguia a todos, pois segundo ele afirmava, havia um tipo de pacto com esse demônio, ao qual o primogênito homem da família.
Essa é a exata cena do filme onde
 Brandon (O corvo) abre os peitos e 
é atingido pelo tiro de verdade.
Brandon Lee morreu assim como 
seu pai Bruce Lee, morreu no auge
 da carreira por causas misteriosas.
 Seria levado embora por ele, mas segundo o pai, quando o demônio veio para pegar Bruce Lee ainda criança, ele havia colocado na criança roupas de menina, e por isso o demônio não o levou, porem tempos mais tarde, ele descobriu a farsa e ficou enraivecido, e jurou vingança contra toda a família Lee. Inacreditável que seja isso a causadora de todas as tragedias da família Lee. Porem as mortes de Bruce Lee e de Brandon Lee ate hoje despertam bastante curiosidades sobre o assunto. Pois Bruce Lee tambem teve uma morte bastante misteriosa, pouco depois de ter encerrado as gravações do longa metragem Operação Dragão, sentiu uma forte dor de cabeça deitou em um sofa para dormir e nunca mais acordou, ele estava em pleno auge da forma fisica e profissional, e virou uma lenda. 
Desde criança Brandon ja possuía
 interesse pelas artes marciais 
incentivado pelo pai Bruce Lee.
Bruce Lee morreu aos 32 anos de
 idade deixando Brandon com
 apenas 8 anos de idade.
Cena do ultimo filme de Bruce Lee 
Operação Dragão, que foi lançado
 bem apos sua morte em 1973.
Lado a lado repousam pai e filho, 
que teriam sido vitimas da maldição
 da familia Lee? Quem pode saber isso.
E o seu filho Brandon Lee também em pleno auge fisico e da carreira, teve uma morte ainda muito mais estranha do que a do pai. Exatamente na cena do filme em que o corvo encara o inimigo, eis que esse lhe aponta uma arma, e atira direto no peito, no filme da para perceber exatamente esse momento. E ninguém sabe ate hoje quem foi o responsável por trocar as munições da arma, que deveria ter sido de festim e não de verdade. Agora uma coisa que deve ser bastante elogiada (apesar de toda essa tragedia) foi a performance do ator substituto de Brandon Lee no filme, Mark Dacascos, também de traços orientais, que finalizou a cena com chave de ouro, tão perfeita que nem percebe-se toda a tragedia que ocorrera no filme.
Fonte BBC.
Postar um comentário