Visualizações de páginas da semana passada

TODAS AS POSTAGENS DO BLOG

OBRIGADO PELA VISITA, SEJA BEM VINDO, ESPERO QUE GOSTE, VOLTE SEMPRE.
Loading...

Pesquisar este blog

terça-feira, 2 de agosto de 2016

10 A 0 PARA A POLICIA.

Aparecida Schunck Flosi Palmeira, de 67 anos, chegou à Delegacia de Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) às 21h40 deste domingo (31), após ter sido libertada do cativeiro ao termino de um sequestro de 9 dias. Dois suspeitos foram presos depois que a polícia estourou o cativeiro em um sobrado em Cotia, na Grande São Paulo. Sogra de Bernie Ecclestone, presidente da empresa que administra a Fórmula 1, Aparecida estava muito emocionada. "Só peço para os bandidos não sequestrarem ninguém em São Paulo que eles vão presos", afirmou antes de entrar para prestar depoimento. Ela agradeceu à polícia pelo fim do caso e disse que não foi machucada pelos sequestradores. Na delegacia, Aparecida abraçou uma das filhas e outros parentes. 
Aparecida Schunck ficou  9 dias 
terríveis nas mãos dos criminosos.
Bernie Ecclestone chefão da formula 1, foi
 vitima de um elemento criminoso 
da sua mais alta confiança.
A Divisão Antissequestro (DAS) da polícia de São Paulo  estourou neste domingo (31) o cativeiro e libertou Aparecida. Ela foi sequestrada em São Paulo no dia 22 em casa, na Zona Sul de São Paulo. Um policial que participou do resgate disse que a investigação levou a um primeiro suspeito e esse levou a polícia ao cativeiro. Segundo ele, o cativeiro era uma casa onde encontraram a vítima amarrada. Segundo as primeiras informações, dois suspeitos foram presos: Vitor Oliveira Amorim e Davi Vicente Azevedo. O cativeiro localizado fica em Cotia, na Grande São Paulo. Os suspeitos foram levados para a Delegacia de Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP/DEIC). O estado de saúde de Aparecida é bom. "A vítima está bem, dois foram presos, a ação foi por volta de 18h40", afirmou a delegada Dra Elisabete Sato, do DHPP.
Davi Vicente Azevedo foi preso e 
entregou os demais cúmplices 
e também o endereço do cativeiro.
Vitor Oliveira Amorim um dos acusados
 pelo sequestro da sogra do 
empresario de formula 1.
 De acordo com a polícia, outros suspeitos de envolvimento no sequestro estão sendo procurados. Aparecida é mãe de Fabiana Flosi, que conheceu o empresário durante o Grande Prêmio de Fórmula 1 no Brasil, em 2009. Ela foi sequestrada quando estava em casa, na região de Interlagos, Zona Sul de São Paulo, por volta das 11h20 do dia 22, uma sexta-feira. Dois homens tocaram a campanhia dizendo que tinham uma entrega para a proprietária. A polícia desconfia que os criminosos sabiam que a família estava para receber móveis novos, por isso uma das duas empregadas abriu o portão. Ela foi rendida pelos sequestradores. Os bandidos saíram da casa com o carro da vítima, que foi abandonado perto da rodovia Raposo Tavares depois.
A policia trabalhou rápido resgatou a vitima
 e colocou os meliantes na cadeia.
Depois de alguns dias de terror, 
o reencontro esperado com a 
a família e com final feliz.
Novas informações dão conta da participação direta também de um piloto de helicópteros Jorge Eurico da Silva Faria que ja foi presidente da Associação Brasileira de Pilotos de Helicópteros (ABRAPHE),  e ja estava respondendo a um outro inquérito policial  em liberdade pelo furto de uma aeronave modelo Esquilo (helicóptero), e segundo consta nos autos, ele seria o mentor de toda essa trama criminosa, pois seria o piloto particular do empresario de formula 1 Bernie Ecclestone, quando esse vinha ao Brasil, e por isso possuía informações privilegiadas sobre sua movimentação e demais detalhes de sua intimidade. Não ha muito o que falar sobre mais esse sequestro frustrado a não ser em se elogiar o brilhante trabalho da equipe de homicídios do DEIC  e da equipe da divisão anti-sequestro e citar um detalhe importante.
O ex comandante que enveredou para
 o crime agora vai passar uns 
bons dias atras das grades.
Jorge Eurico nega sua participação nesse
 sequestro, mas o rastreamento feito
pela policia foi robusto, e o condenam.
Como são as coisas nesse nosso mundinho não, uma pessoa para ser piloto de helicóptero ou de qualquer outra aeronave é a coisa mais difícil do mundo, porem é muito gratificante e com altíssimos salários, que vão na faixa de 15 a 30 mil reais por mês facil facil, (se bem que no caso dele deveria ser bem mais do que isso, pois ele era o piloto exclusivo do chefão da formula 1 no mundo) eu mesmo sempre sonhei em fazer o curso de pilotos de aeronaves, mas não consegui porque as aulas são caríssimas e fogem do nosso orçamento mensal, agora um elemento que consegue fazer esse curso, ganha boas horas de voo, consegue boa reputação, tanto que chegou a presidência de um órgão importante da aviação brasileira e provavelmente devido a isso, conseguiu a confiança do empresario Bernie Ecclestone, e de repentemente se envereda para o lado criminoso e joga tudo para o alto. Nos traz a tona o lado ambicioso, burro e criminoso de certos seres humanos.
Fonte G1 Noticias.
Postar um comentário