Visualizações de páginas da semana passada

TODAS AS POSTAGENS DO BLOG

OBRIGADO PELA VISITA, SEJA BEM VINDO, ESPERO QUE GOSTE, VOLTE SEMPRE.
Loading...

Pesquisar este blog

terça-feira, 28 de junho de 2016

OURO SELVAGEM.

George e Scott, ex-corretores de imóveis de luxo, acostumaram-se a fechar negócios de vários milhões de dólares. Suas famílias colheram os frutos deste trabalho e o dois tinham condições de prover o melhor para eles. Entretanto, em 2008, ao ignorarem os sinais de alerta emitidos pelo mercado imobiliário que já entrava em colapso, acabaram perdendo tudo. Com a falência absoluta, a família de Scott foi obrigada a mudar-se para o porão da casa de seu pai, enquanto George se esforçava para não perder seu imóvel. Com o futuro seriamente comprometido tomam a audaciosa decisão de jogar tudo para o alto e decidiram extrair ouro da selva de Gana, região do oeste da África com abundantes reservas deste metal precioso que poderia deixar milionários até dois novatos com equipamentos obsoletos.
Uma empreitada perigosa e sem garantia de nada!
Ao garantirem um empréstimo de 150 mil dólares de um investidor, a pressão cresce fazendo-se absolutamente necessário encontrarem ouro para pagarem estas e outras dívidas que totalizam mais de um milhão de dólares. Para complicar a situação, a extração de ouro em si é a parte mais fácil de todo o processo. Latifundiários armados, estradas desertas sem lei e compradores de ouro clandestinos de gangues locais, além de truculentos compradores do minério, são alguns dos desafios que os aventureiros precisam enfrentar e vencer caso queiram escapar ilesos da região e com ouro suficiente para assegurar o futuro financeiro de suas famílias.
As primeiras garimpagens demostram
 haver muito ouro...Mas é necessário
 encontrar o vêio certo.
Ate que eles conseguem achar 
uma boa quantidade, mas bem longe
 do necessário para pagar suas dividas.
Unidos pela vontade de sobreviver e encontrar sustento para a família, estes garimpeiros modernos vivem com o passaporte na mão, única salvação em um universo traiçoeiro no qual um só movimento em falso pode acabar com suas vidas. É um mundo de riscos enormes mas também de incríveis possibilidades. OURO SELVAGEM é uma produção da Raw Television para a Discovery. Dimitri Doganis e Sam Maynard são os produtores executivos e Charlie Clay o produtor da série. Christo Doyle e Meagan Davis são os produtores executivos por parte da Discovery.
Garimpagem artesanal é de poucas
 despesas, mas também de pouco conteúdo.
E para se conseguir essa quantia, seria 
necessário muito tempo, que eles não tem!
As maquinas alugadas custam
 caro, mas não existe outra maneira 
de-se conseguir retorno rapido.
O tronel de garimpagem, realiza
 o trabalho de 100 homens, mas
 é necessario se achar o lugar certo!

O impressionante desses dois aventureiros, é que por mais dificil e perigosa que se tornem as situações, eles enfrentam tudo e nunca abaixam a cabeça para as dificuldades que surgem a cada momento, (e pode-se garantir que não são poucas as dificuldades) é um problema atras do outro e eles sempre estão ali juntos e acertando as coisas. E não ficam em algum lugar reclamando das perdas do passado. Poem a mão na massa mesmo. Mas nesse mundo estranho para eles da garimpagem, faz-se necessário alem de dinheiro, ambição, trabalho, tambem um fator determinante para todo o seu sucesso, é necessário ter muita sorte e encontra o lugar certo para garimpar e achar o vêio onde esta o ouro.
Uma pepita dessas resolveriam 
todos os problemas, mas o negocio
 é ter sorte para achar uma dessas!
Enquanto a sorte grande não
 vem os amigos discutem estrategias
 para driblarem todos os seus "investidores"!
Os dois são verdadeiros obstinados em sua procura, e seguem em direções dificílimas,  tidas como impossível pela grande maioria das pessoas, seria literalmente como a conhecida frase: Ou vai ou racha! E eles devido a situação financeira a que encontram, não teem muito o que fazer mesmo. A não ser de enfiarem as suas caras no mundo e resolverem tudo de uma maneira que os livre das diversas dividas contraídas. Mas isso tem que ser de uma maneira rapida, pois seus credores estão em cima deles cobrando a todo momento, e não são apenas eles, devido a essa empreitada na Africa agora alem dos antigos cobradores eles tambem assumiram compromissos com novos "investidores" (que não dão um minuto de sossego aos rapazes), para poderem realizar a descoberta do ouro.
Fonte Discovery Channel.

segunda-feira, 27 de junho de 2016

ESTADO DE FACHADA.

No ano da confraternização mundial dos países através do esporte, atualmente o Estado do Rio de Janeiro encontra-se falido com a cumplicidade do governo federal e execução administrativa larápia do PMDB. O governador Luiz Fernando Pezão assumiu o Rio de Janeiro, logo após o ex-governador Cabral, os dois prometeram transformar a Cidade no maior legado de cidadania para o Mundo, após 06 anos o histórico é o pior possível:assassinatos nas favelas, remoções das moradias em massa, superfaturamento das obras, militarismo na Maré, baixa qualidade das obras, agressão policial em massa nos moradores da cidade, violência e perseguição política, prisões políticas, roubo de mercadorias dos ambulantes, proliferação do mosquito da dengue, pulverização do zika vírus, especulação imobiliária.
Grande parte desse caos financeiro no estado
 do Rio de Janeiro deve-se a aliança
  politica entre o PT e o PMDB. 
Um estado de fachada que não 
tem onde cair morto e mesmo
 assim vai bancar as olimpíadas.
 Trânsito caótico, hospitais sucateados, colégios abandonados, royalties do petróleo roubado, venda do espaço público para empresas patrocinadoras das Olimpíadas, obra do Metrô inacabada, manipulação midiática e a falta de pagamento dos seus servidores públicos ativos e inativos. Nós estamos no século XXI e atual governança simplesmente com o apoio midiático declara não haver dinheiro para pagar a folha de pagamento dos funcionários públicos ativos e inativos. E fica por isso mesmo? E quando chegarem as contas de luz, água, alimentação, remédio, transporte e outras? Vamos enviar direto para a residência do Governador? Coincidentemente Luiz Fernando Pezão apoiado pela mídia monopolista e fascista lança uma campanha da sua  vitimização.
O que esses governos corruptos e improbes 
fizeram com as finanças do Rio de
 Janeiro é coisa impressionante, jogaram
 a cidade e a população as traças!
O governador do Rio de Janeiro Luis Carlos
 Pezão, depois de toda trapalhada
 financeira agora se faz de vitima 
devido a um cancer em tratamento.
 Após um diagnostico de  um câncer segundo os médicos com  a possibilidade 70% de cura ocasionando o seu afastamento do Estado…Nessa segunda-feira o vice-governador Francisco Dornelles (sobrinho de Tancredo Neves) assume o Estado para resolver as artimanhas do calote no funcionalismo público ativo e inativo. Se a decisão for pelo parcelamento, como está sendo estudado, o Rio vai copiar uma medida implementada pelo governo do Rio Grande do Sul, que dividiu o pagamento dos servidores públicos em quatro vezes, desde o ano passado. Dornelles se reunirá com os secretários de Fazenda, Júlio Bueno; da Casa Civil, Leonardo Espíndola; e de Governo, Affonso Henrique Monnerat. O governo do Rio já tinha alterado a data de pagamento do segundo dia útil de cada mês para o sétimo e, depois, para o décimo.
Muita roubalheira e descontrole dos gastos públicos levaram a esse caos
 financeiro no estado que pode receber
 uma intervenção federal!
O vice governador do Rio de Janeiro
  Francisco Dornelles, reune a imprensa
 e anuncia a falência do estado.
Essa ambulância resume o que é o
 Rio de Janeiro hoje com suas 
finanças arrebentadas!
 Apesar de estar estabelecido agora que a data limite para o pagamento do funcionalismo é o dia 17 de cada mês, isso poderá sofrer mudanças em Agosto. O estado também parcelou em cinco vezes a segunda parcela do 13º salário. O governo atribui o impacto na folha de pagamento aos reajustes salariais realizados na atual gestão e à contratação de mais PMs, que deu um salto de 30 mil para 50 mil. Urgentemente é necessário realizar uma Ocupação no Palácio da Guanabara exigindo o cumprimento das suas obrigações com o seu Povo. O mais interessante de tudo isso é que o governo reduziu apenas os salários da grande massa de funcionários públicos do estado, porem aqueles funcionários públicos de confiança e que ganham rios de dinheiro por mes, esses não tiveram seus salários reduzidos ou parcelados. A quem esses governantes fajutos querem enganar?
Fonte O Globo.

domingo, 26 de junho de 2016

ENVELHECIMENTO ATIVO.

A revolução da longevidade está em pleno movimento no Brasil. O número de idosos brasileiros (com 60 anos ou mais) aumentou de 4,7% em 1960 para 10,8% em 2010. Até 2050, vai triplicar, chegando a 29%. Em meados dos anos 1940, a expectativa de vida ao nascer era de apenas 43 anos, e passou para 72,3 em 2008 alcançará mais de 81 anos em 2050. A esperança de vida está aumentando não apenas ao nascer; ela é cada vez maior no outro extremo da vida também. Em 2010, uma pessoa de 60 anos esperava viver mais 20 anos  até os 80 anos.
O tempo com o envelhecimento
 é muito cruel, e num estalar de 
dedos ja se passaram muitas coisas.
O Dr Alexandre Kalaxe medico gerontólogo,
 profundo estudioso nesse assunto 
desenvolveu diversas teóricas sobre
 o envelhecimento saudável.
Tanto para as pessoas idosas quanto para a sociedade, o envelhecimento ativo é a chave para decifrar o potencial da revolução da longevidade. O envelhecimento ativo visa à qualidade de vida para as pessoas idosas a partir da otimização de quatro tipos de capitais ao longo do curso de vida: saúde, educação continuada, participação e proteção. Então, como estão os brasileiros em relação a estes quatro capitais? A saúde é a primeira fonte essencial de recursos. Já são poucos os brasileiros que morrem por doenças cardiovasculares e respiratórias relacionadas ao tabagismo, um resultado de políticas antitabaco e de melhorias nas estratégias de prevenção da atenção primária à saúde .
E sozinho tudo sera sempre 
mais dificil de-se conquistar.
A primeira grande contribuição
 que um idoso faz a si mesmo é 
aceitação desse fato natural da velhice.
 Além disso, mais brasileiros informam estar bem de saúde em relação ao número dos que o faziam no passado. Entretanto, a crescente urbanização levou os brasileiros a adotar estilo sedentário de vida e dieta inapropriada, o que é muito comum nos países desenvolvidos, causando altos índices de diabetes e hipertensão, hábitos que levam às incapacidades na velhice. As pessoas idosas atribuem muito valor à participação social e ao significado do trabalho. Em 2012, 27% das pessoas idosas trabalhavam, perfazendo um total de 12% da força de trabalho  uma taxa alta em comparação ao padrão internacional. Mais de 70% das pessoas de 60 anos ou mais atuam no mercado de trabalho informal, inclusive muitos que já recebem aposentadoria.
O envelhecimento saudável trara
 tambem uma vida muito saudavel.
Boa alimentação assim tambem
como uma boa forma fisica, são 
antídotos naturais contra qualquer mal.
A educação continuada é um capital necessário à manutenção e à renovação de habilidades e da participação na sociedade. Para os idosos brasileiros, o avanço representado pelo Estatuto do Idoso quanto a oportunidades para novas aprendizagens (por exemplo, a Universidade Aberta da Terceira Idade) é ainda insuficiente devido ao seu alcance limitado fora das grandes metrópoles. Ao mesmo tempo, as instituições educacionais rejeitam o ingresso de pessoas idosas. Para sua proteção, os idosos brasileiros desfrutam de muito boa iniciativa de seguridade social se comparada com outros países latino-americanos, e em relação às taxas de pobreza se comparada a outros grupos etários no próprio país. 
Em alguns paises do mundo como
 o Japão, onde pessoas  passam dos 100
 anos de idade com muita naturalidade.
Exercícios físicos, descontração,
 passeios, caminhadas, ajudam em
 muito a manutenção da maquina humana.
Para muitos, a segurança financeira se expressa pela contribuição previdenciária, pela aposentadoria relacionada ao emprego (46%) tanto com base na idade em combinação com os anos de contribuição quanto baseado apenas em tempo de contribuição. Cerca de 35% das pessoas acima de 60 recebem algum benefício não contributivo, como o Benefício de Prestação Continuada ou a aposentadoria rural. Entretanto, seria de 48% a taxa de idosos abaixo da linha de pobreza sem pensão não contributiva. Em suma, os idosos brasileiros de hoje estão em melhor situação do que seus pais e avós. Esses ganhos devem ser mantidos, assim como devem se tornar realidade.
A velhice é uma realidade, e deve ser 
preparada com muita atenção, para 
a continuidade de uma vida satisfatória.
Quanto maior a descontração maior
 serão os resultados futuros, nunca
 se isolar em um mundo particular.
 As garantias proporcionadas pelo Estatuto do Idoso, de modo que mais brasileiros idosos tenham acesso a oportunidades de viver um envelhecimento ativo. Louise Plouffe, doutora em Psicologia Social, é coordenadora de pesquisa do Centro Internacional de Longevidade Brasil (ILC-BR). Ina Voelcker, mestre em Políticas Públicas, é coordenadora de pesquisa do ILC-BR. Silvia M. M. Costa, especialista em Comunicação e Saúde, é coordenadora de comunicação e informação do ILC-BR. Alexandre Kalache, médico e gerontólogo, é presidente do ILC-BR e ex-diretor do Programa de Envelhecimento da Organização Mundial da Saúde (OMS).
Fonte Gazeta do Povo.

quinta-feira, 23 de junho de 2016

VIDA ALEM TERRA.

A nave Curiosity da NASA, conhecida oficialmente por Laboratório Cientifico de Marte, chegou ao planeta vermelho no ultimo domingo dia 05,  no qual vai passar dois anos procurando sinais que indiquem que Marte já abrigou um dia ingredientes para a existência da vida.O projeto custou US$ 2,5 bilhões (cerca de R$ 5 bilhões), e exigiu um sistema muito complicado de pouso no planeta (os “sete minutos de terror”) por conta de seu tamanho e peso Curiosity é mais de duas vezes maior e cinco vezes mais pesado que outras naves da NASA, como Spirit e Opportunity.
Sonda Curiosity, ja esta realizando 
pesquisas no planeta Marte.
Pesando 899 kg e carregando mais 80 kg de instrumentos científicos, a sonda precisava ser do tamanho de um carro SUV. Esse tamanho todo, além de causar tensão no pouso (no qual um errinho qualquer pode comprometer toda a missão), também exige muito combustível, o que torna a nave muito cara. Sendo assim, cientistas estão trabalhando com “nanorobôs” para substituir as sondas atuais, pois necessitariam de menos recursos, seriam muito menores (cerca de um bilionésimo do tamanho de Curiosity), e poderiam tornar missões futuras mais práticas e frequentes.
Agora com essas pesquisas no solo
 do planeta os cientistas poderão comprovar
 se um dia houve vida  inteligente nesse planeta.
Os primeiros nanorobôs imaginados pelos pesquisadores seriam como “grãos de areia inteligentes”: uma nave “despencaria” cerca de 30.000 nanorobôs do tamanho de um grão de areia, que se movimentariam usando o vento de Marte como propulsão, aproveitando a baixa gravidade local (38% do que a da Terra).Cada robô deve conter um nano processador, uma antena para comunicação com seus vizinhos, um sensor de coleta de dados e uma “casca” controlada remotamente que permite mudança de forma. Uma vez no chão, os robôs seriam capazes de cobrir milhares de quilômetros do planeta, estudando sua composição química e comunicando as informações para a Terra.
Sera que esses marcianos um dia foram
 parecidos com alguns terráqueos, com 
anteninhas na cabeça?

Para missões mais complexas, como a escavação sob a superfície de Marte, os robôs precisariam se deslocar de forma autônoma. Pesquisadores da NASA já começaram a desenvolver conceitos de robôs minúsculos, chamados TET walkers, capazes de fazer exatamente isso. Os TET walkers também poderiam se ligar para formar dispositivos como sondas e antenas, que podem viajar o planeta em busca de sinais de vida e água. O problema é que, até agora, os engenheiros só conseguiram construir exemplos de dois metros de altura. Para produzir um protótipo em nanoescala, os cientistas precisam de nanotubos avançados que pudessem mover-se e reorganizar-se para formar diferentes tipos de materiais.

Os Tet Walkers, são equipamentos 
controlados a distancia, evitam a exposição 
direta do ser humano a algum ambiente inóspito.
A NASA imagina que, dependendo da velocidade do desenvolvimento da nanotecnologia e do financiamento do projeto, os TET walkers poderiam pousar em Marte nos próximos 30 a 40 anos.Outro problema que deve ser vencido é a radiação intensa do planeta, assim como suas condições meteorológicas extremas. Para que nanorobôs consigam realizar missões de longo prazo em Marte, é preciso uma “casca” muito protetora.Constantinos Mavroidis, um engenheiro da Universidade Northeastern (EUA), está trabalhando em uma ideia de uma teia de aranha que protegeria os robôs, possibilitando que eles fizessem medições a longo prazo do clima e atividade sísmica do planeta.
Aparentemente Marte ainda é um planeta 
desabitado, e os estudos irão expor isso.
Tudo no começo era apenas um sonho, 
mas agora ja podemos ver alguns resultados 
registrados pelas sondas espaciais.
Muito interessante isso, e parece que o planeta Marte,  desabitado e quase do tamanho do nosso planeta, e com uma atmosfera desconhecida, mas que pode ja ter possuído vida, mas hoje parece que essa vida  é microscópica e encontra-se apenas no sub-solo, e quem sabe futuramente os grandes projetos realizados com os grandes cientistas mundiais, em expedições  conjuntas possam conseguir uma maneira de transformar esse planeta em habitável, e a partir disso, nos então poderemos encontrar uma maneira de livrar-mo -nos de algumas pessoas indesejáveis aqui em nosso planeta, poderíamos pegar todos os corruptos e os ladrões, e bandidos de toda especie,  e manda-los todos a uma visita a esse planeta com passagem só de ida, quem sabe um dia poderemos realizar esse sonho.
Fonte BBC.

domingo, 19 de junho de 2016

ENCONTRO FATAL!

Jerry Demings, xerife do condado de Orange, nos EUA, afirmou nesta quinta-feira que Melissa e Matt Graves, pais de Lane Graves, garoto de 2 anos morto por um jacaré em um lago de um resort no complexo da Disney, na Flórida, na terça-feira, não devem ser indiciados pela tragédia.“Não há nada neste caso que indique que tenha ocorrido algo extraordinário em termos de negligência”, declarou o xerife à agência de notícias “AP”, reforçando que a polícia está investigando a Disney em relação à ausência de placas que indicassem a presença de jacarés na área. No lago, há apenas sinalizações pedindo para que o público não nade nas águas.
Lane Graves a belissima criança
 que foi atacada e morta pelo jacaré.
Uma situação terrível dos pais que
 levam os filhos para se divertirem 
e sofrem por essa tragedia absurda!
Um representante da Disney, em anonimato, afirma que a política de sinalização dos parques será “revista”, segundo a “AP”.O People for Equal Treatment of Animals (PETA), maior organização de proteção animal do mundo, criticou a Disney após a morte de quatro jacarés durante as buscas pelo menino de 2 anos arrastado da beira de um lago na última terça-feira à noite. Para a instituição, os animais estavam apenas “fazendo o que é natural para eles”. A presidente da PETA, Ingrid Newkirk, disse ao jornal britânico “Mirror” que o parque deveria ter colocado avisos. “A Disney, sabendo que havia jacarés na água, deveria ter instalado sinais de alerta porque não é novidade que os jacarés são predadores naturais. 
A mãe em total desespero tambem 
entrou na agua junto com o
 pai para tentar salvar a criança.
Um lugar criado apenas para 
o entretenimento e diversão mas 
que foi cenário de uma terrivel tragedia.
Agora, uma criança e quatro jacarés, que estavam fazendo apenas o é natural para eles, pagaram com suas vidas”, disse. Newkirk ainda lembrou que as construções acabam diminuindo o habitat dos animais. “O preço de pavimentar o paraíso", colocar um estacionamento, é que parques de diversões, hotéis, centros comerciais, campos de golfe e rodovias têm diminuído o habitat dos animais selvagens que necessitam dele para sobreviver. Na terça-feira à noite, às 21h16m, Lane Graves, de 2 anos, estava na beira de um lago no Disney's Grand Floridian Resort & Spa perto de Orlando, na Flórida, com o pai, quando foi atacado por um jacaré.
Na verdade o ser humano invadiu 
o habitat desses animais forçando-os
 a um convivio forçado, ao qual os
 encontros sempre serão tragicos.
As cidades crescem e invadem as florestas
 naturais, forçando seus moradores
 a dividirem o espaço com as pessoas.
 Segundo a polícia, o pai tentou desesperadamente salvar o menino, mas não conseguiu. A mãe também entrou na água, mas o animal foi mais rápido que os dois que estariam acompanhados da filha de 4 anos. O lago na Disney não tem placas alertando para a presença de jacarés. Há apenas uma sinalização de que é proibido nadar. Em abril, uma outra família foi perseguida por um jacaré no mesmo lago, mas eles não se machucaram.As buscas continuaram nesta quarta-feira, e quatro jacarés foram encontrados e sacrificados para tentar localizar o menino. Por fim, a polícia encontrou o corpo da criança intacto. As autoridades acreditam que ele morreu por afogamento após ser arrastado pelo animal. Agora uma celebre frase que citade-se estar em um lugar errado em hora errado, agora a pergunta que fica qual sera o lugar certo na hora certa?
Fonte CNN.

sexta-feira, 17 de junho de 2016

PROGRAMA DE IMPACTO.

A algum tempo atras, eu tive a oportunidade de assistir um documentário fantástico que passou na Tv Record, sobre como os americanos tratam seus menores infratores  ou seja antes que eles se percam de vez na vida dos crimes. Esse programa ja passa direto na televisão paga ( no canal A E ), mas é a primeira vez que eu vejo passando na Tv aberta. Esse é um programa social realizado pelas autoridades americanas, que buscam atraves disto uma ultima oportunidade a esses adolescentes de visualizarem os seus caminhos errados, entenderem isso, e através disso, então por essa  ultima oportunidade,  mudarem seus caminhos tortuosos.
O menor criminoso chega se achando
 todo poderoso, e quando sai, 
enxerga o caminho a seguir.
Esses menores muitas vezes são encaminhados pelos proprios pais, que ja praticamente esgotaram todas as suas tentativas de colocarem-nos na linha, e depositam todas as suas esperanças nesse programa social do governo, para com isso conseguirem os resultados necessários para as mudanças desse adolescentes problemáticos.  A primeira vista as imagens podem chocar os telespectadores, pela extrema dureza a que esses menores são submetidos, pois eles são encaminhados para uma penitenciaria, onde ficam la por um dia inteiro, e os responsáveis pelas "aulas" são os proprios sentenciados, que no passado tambem fizeram as mesmas coisas  erradas que hoje esses menores estão fazendo.
Os adolescentes acreditam estarem
 promovendo um verdadeiro terror social,
 mas ao entrarem nas prisões aprendem
 que o terror que esta por vir, ainda
 é muito maior do que eles imaginam!
A unica diferença é que no tempo deles não havia ninguem ou nenhum programa social dessa intensidade (a não ser os proprios pais), que pudesse orienta-los sobre os caminhos a seguirem.  Se interessando pelas suas causas e trabalhando suas mentes. Para as pessoas que sentirem-se chocadas com esse verdadeiro tratamento de choque, convem sempre lembrar que esses menores não respeitam  os pais, educadores, nenhum tipo de lei ou de regra, fazendo tudo o que lhes vem a cabeça, não possuem nenhuma disciplina, e não aceitam as normas sociais, e muitos deles ja cometeram diversos crimes e apenas enxergam o mundo do crime como uma razão de vida.
O tratamento fornecido a eles nesse
 programa é a altura de  suas indisciplinas.
E se nada radical ou chocante que venha a criar um grande impacto em suas vidas for realizado, sem duvida alguma,  eles continuarão com suas mentes vazias, realizando coisas erradas as vistas de todo mundo,  achando que isso é uma maneira de vida, e que suas ações são corretas. E crescendo de uma forma imensa chegando ao ponto de não haver mais volta. Sem duvida alguma esse é o melhor tipo de tratamento que se possa realizar, em pessoas que se acham acima das leis e da ordem publica, e fazem isso em plena juventude, com a maior naturalidade possível  É absurdamente errado que nós em nossa visão etiológica social, ao perceber-mos uma situação gravíssima dessas.
Dependendo do crime, o menor 
responde como adulto, devido a
 sua precocidade de violência.
Onde um adolescente  vem desde a sua tenra infancia, fazendo coisas erradas, cometendo crimes que tempo a tempo vão se graduando mais e mais em gravidade e  causando terror, e ao inves de disciplina-los duramente por esses atos erroneos, então ficamos passando a mão em suas cabeças, encobrindo os seus atos como se tentasse-mos encobrir o poderoso sol com uma peneira. Certamente agindo dessa maneira, nós iremos contribuir para que esse menor infrator continue realizando coisas erradas e nunca ira mudar de vida , pois em sua conciencia, ele entende que os seus atos errados são os atos corretos, e ao passar-mos as mãos em suas cabeças, encobrindo os seus atos errados, alem de estar-mos criando um monstro, tambem estaremos contribuindo em partes com os seus crimes, e seremos ainda muito mais piores do que eles mesmos.
Aqui no Brasil esses menores são 
apreendidos, e logo ja são liberados, 
pois não existe nenhum programa serio 
que se preocupe em recupera-los de verdade!
Nós com nossa inteligencia e razão, temos plenas condições de ensina-los os caminhos corretos a seguir, mas com uma disciplina rigida, dura,  a altura de suas indisciplinas  pois eles ja alcançaram um estagio altíssimo de "malandragem", ao qual apenas uma fala ou uma palavra dura, não seria o suficiente para convence-los a uma mudança radical em suas vidas, precisa-se muito mais do que isso, precisa enfiar o dedo na cara deles e mostrar a eles quem é que manda de verdade. Ao inves desse  escabroso E.C.A., ficar passando a mão em suas cabeças, apoiando seus atos criminosos, só ira aumentar ainda mais suas periculosidades e impunidades. 
Agora nos E.U.A., esse mesmo menor
 que cometeu 5 homicídios, ja no primeiro
 homicídio, responderia como adulto, e se 
evitaria que outras 4 pessoas fossem vitimadas.
Só para relembrar, um menor de 15 anos de  idade que tenha cometido por exemplo 5 homicídios  e indo para a Fundação Casa, ficara obrigatoriamente no maximo 3 anos recolhido, ou seja, saira com 18 anos, sem nenhum tratamento de grande efeito sobre  sua conduta, e dando-lhe salvo conduto para continuar sua sina criminosa. Um tempo muito pequeno para recuperação de um elemento com tendencias criminosas naturais. E alem disso, depois que ele sair, obrigatoriamente ele tera uma ficha criminal limpa, ou seja aqueles 5 homicídios do passado, mesmo com as pessoas vitimadas e suas famílias sofrendo os traumas daquela ação, absurdamente não existirão mais, como entender uma situação dessas?
E existem algumas pessoas
 excessivamente paternalistas, e que
 não entendem nada de segurança publica,
 totalmente alienadas a essa realidade!
Ele cometeu 5 homicídios no passado, estragou a vida de no minimo 5 famílias  e não tera mais esse peso nas costas e nem em sua consciência, pois a justiça resolve retirar isso de sua responsabilidade criminal!  Houveram as vitimas, houve o crime, mas o criminoso se tornara ignorado por uma lei absurda!  Isso se torna um precedente perigosíssimo,  pois dara ao elemento  menor de idade, a impressão de que cometer crimes é normal! Roubar, estuprar e matar pessoas, é comum!  E as autoridades não se preocupam com seus atos criminosos! Sem duvida alguma, ao inves das autoridades publicas ficarem tentando esconder o sol com a peneira, deveriam enfrentar a realidade e  trazer para o nosso pais esse programa social americano, chamado "tratamento de choque",  e implanta-lo imediatamente, pois  sem duvida alguma demostra um grande  impacto, e com resultados muito melhores do que conversa fiada, hipocrisia e paternalismo excessivo.
Fonte BBC.

quarta-feira, 15 de junho de 2016

"EU ERA FELIZ E NÃO SABIA".

Os militares fizeram a Revolução Industrial no Brasil. O período de 1967 a 1979 foi marcado por construções faraônicas, obras que ainda hoje têm importância estratégica, validadas pela propaganda ufanista do “Brasil Grande”, e do “Ame-o ou deixe-o”. É inegável o avanço da infraestrutura que criaram a partir do nada, mas quando o general João Baptista Figueiredo saiu pelos fundos do Palácio do Planalto em 1985, encerrando o ciclo de governos militares no país, o cenário era irreconhecível: na esteira do desenvolvimentismo veio a estagnação econômica, a dívida externa e pesados impactos ambientais. Os presidentes militares criaram um modelo econômico que mudou o país. Autoritário e pragmático, esse padrão tecnocrata tinha o Estado como centro e a “eficiência técnica” como forma de administrar empresas estatais. O comandante da economia na época, o ministro da Fazenda Delfim Netto, conta que o desenvolvimentismo começou na década de 1950. “O Brasil é o país que mais cresceu em toda a América Latina até hoje. Crescemos 7,5% ao ano durante 32 anos.”O resultado prático foi que em 1964 o Brasil era o 45º PIB do mundo e, 21 anos depois, pulou para a 10ª posição. 
Inicio das obras da usina 
de Itaipu, no ano de de 1975.
Capaz de gerar 14.000 MWh, ja produziu
 ate hoje 2,3 bilhões de MWh, e sua
 energia fornece 15% de toda a 
energia consumida no pais.
A frase “O Brasil vai bem, mas o povo vai mal”, do presidente Emílio Garrastazu Médici, foi dita quando o PIB atingia 14% ao ano em plena campanha das grandes obras, mas o país se corroía em meio a aumento da desigualdade social e pobreza. Os militares promoveram uma entrada maciça de capital estrangeiro combinada com arrocho salarial, o que resultou em elevados índices de crescimento econômico e inflação baixa, colocando em prática a fórmula de Delfim Netto, de que era preciso esperar o bolo crescer para só depois dividi-lo. “Não se pode distribuir o que ainda não foi produzido a não ser tomando emprestado”, diz hoje Delfim, ao explicar a frase dos anos 70. Algumas das grandes obras do século 20 foram feitas no Brasil, e o ano de 1969 marcou o início com a Ponte Rio-Niterói, ainda a mais longa do Hemisfério Sul. Em 1974 veio a Hidrelétrica de Itaipu Binacional, a maior geradora de energia do mundo, à frente da chinesa Três Gargantas, e a Transamazônica.“A marca do regime militar e do capitalismo brasileiro era fazer uma propaganda ufanista com essas obras”, diz o historiador da USP Marcos Napolitano. 
O presidente do Brasil Ernesto 
Garrastazu Medici,  observando 
as obras da ponte Rio/Niteroi.
Hoje terminada e considerada uma
das maiores obras de infra 
estrutura do mundo moderno.
Em 1979, o Brasil triplicou a capacidade da indústria siderúrgica com o projeto Grande Carajás, numa área de 900 mil km², cerca de um décimo do território nacional. Os militares ainda começaram a implementar redes de metrô nas grandes capitais e ampliaram a malha rodoviária asfaltada de 3 mil para 45 mil quilômetros. Mas a ideologia do Brasil Potência teve seus tropeços. Um deles foi o polêmico projeto das usinas nucleares de Angra 1 e 2  hoje elas geram 1,57% da energia consumida do Brasil, de acordo com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel)  e da hidrelétrica de Balbina, de 1973, um monumento à estupidez idealizada na ditadura. Na época ela custou US$ 1 bilhão, inundou 2,36 mil km² de florestas nativas, criando um dos maiores lagos artificiais do mundo. Seu potencial energético é de meros 250 megawatts. Com pouco mais da metade da área do reservatório, Itaipu produz 56 vezes mais energia.A construção de Tucuruí, no Pará, em 1975, foi marcada por escândalos de corrupção e prevaricação. A obra desalojou comunidades, inundou enormes extensões de terra e destruiu a fauna e a flora locais. A usina é a quarta maior geradora de energia do mundo e, segundo a Eletronorte, foi feita para atender o polo mineral e metalúrgico do Pará.
Começo da construção da rodovia 
transamazônica em 1970.
Que foi abandonada pelos demais
 governos e hoje é apenas um 
caminho no meio da lama.
Está mais do que confirmado, inclusive por alguns participantes da luta armada, que a verdadeira intenção dos "resistentes", como alguns se intitulam, não era, apenas, derrubar o regime militar e sim implantar uma ditadura marxista-lenista. Se os militares não tivessem desfechado a Contra-Revolução em 1964,  uma  ditadura comunista estaria implantada no Brasil e estaríamos, até hoje, subjugados a um modelo ditatorial comunista, semelhante ao cubano, ou, no mínimo, estaríamos como a Colômbia, lutando, há mais de 40 anos,  contra uma guerrilha semelhante a que é mantida pelas Farc. Essa verdade não é revelada... Nega-se também que  a base do desenvolvimento do  país,  a infra-estrutura de hoje, foi criada e implantada durante o regime militar. Aproveitando o 46º aniversário da Contra -Revolução.  Terroristas não conhecem a palavra democracia, e suas lutas sanguentas são apenas para conseguirem o poder absoluto, e quando conseguem, dai então demostram suas verdadeiras caras demoníacas. Ou seja nossos militares do passado foram os nossos grandes herois, e devemos nossa liberdade social de hoje a todos eles.
Usinas Nucleares de Angra 1,2, e 
 tambem da epoca dos militares.
Essas obras se tornaram um verdadeiro
elefante branco devido a periculosidade
 dessa energia atômica e da manutenção 
periódica contra os efeitos ao meio ambiente.
Nos governos militares o Brasil teve uma infinidades de mega obras sociais, todas em pleno funcionamento, havia um estado de disciplina no pais, e não havia tanta violência como nos dias de hoje. A corrupção era tão pequena que nem se dava  muita importância para tal, o patriotismo era pungente, e aprendia-se nas escolas desde muito cedo a amar a sua Patria e ao seu pais, com uma escola com um ensino de qualidade e dinâmico. Onde desde cedo a criança aprendia a cantar o Hino Nacional e honrar essa Patria abençoada. A preocupação fundamental dessas escolas era o ensino solido e nada dessa tal teoria de gêneros, a criminalidade era baixíssima, quase desprezível, não haviam explosões de caixas eletrônicos e nem muito menos assaltantes nas ruas com armas de guerra. Cracolândias (ou terra dos viciados), esse projeto diabólico na era militar, ou seja, não existia nem o projeto disso, pois naquela época existia a penalização de vadiagem, onde ninguém poderia ficar em grupinhos nas ruas sem fazer nada. Pois existe a diferenciação entre desempregado e vagabundo, um desempregado e aquele que perdeu seu emprego e provisoriamente perambula pelas ruas a procura de uma outra colocação, mas agora vagabundo, é aquele que não trabalha e nunca vai trabalhar e fica nas ruas fazendo tudo que não presta.
Uma das grandes obras do governo PT 
é a transposição do rio São Francisco, 
as obras iniciadas em 2007, e para serem
 encerradas em 2012, mas que ja foram
 gastos mais de 8 bilhões e ate agora 
não existe previsão de termino dessa obra.
E a maior obra desse governo, a reforma
 absurda de um porto na cidade
 de Mariel em Cuba a fundo perdido!
 Enfim um pais sem disciplina e com  um governo inerte e corrupto, propicia-se a instalação de tudo o que não presta, e o nosso povo não merece um governo aproveitador que visa apenas encher os próprios bolsos de dinheiro sujo e que abandona todos os seus principios e compromissos sociais ao léu. O governo militar não foi o mais perfeito do mundo porem nessa epoca o povo podia sorrir e sair as ruas tranquilamente. Diferente dos dias de hoje, onde vivemos uma verdadeira guerra urbana, com o crime organizado mandando no pais de ponta a ponta. E mesmo quando estão presos, eles de dentro das cadeias ainda conseguem realizar esse comando, pisando nas leis e no Estado de Direito de uma forma avassaladora. Fazendo a população refém dentro de suas próprias casas. Sendo tudo isso efeito colateral de um governo improbe e corrupto, que não teve condições de oferecer nem o basico ao cidadão brasileiro, que merece muito mais do que essa baderna social. A saida desse governo foi oportuna e necessária para o bem do pais, que caiu em descredito total perante o mundo. Agora novamente estamos caminhando a passos rasos, e rumo a verdadeira democracia sem maquiações ou inversões de valores. Como dizia sabiamente o escritor Monteiro Lobato. "Um pais se faz com homens e livros". E eu acrescento um pouco mais.  "Um pais se faz com homens, livros, justiça e trabalho".
Fonte WIKIPEDIA.