Visualizações de páginas da semana passada

TODAS AS POSTAGENS DO BLOG

OBRIGADO PELA VISITA, SEJA BEM VINDO, ESPERO QUE GOSTE, VOLTE SEMPRE.
Loading...

Pesquisar este blog

terça-feira, 10 de maio de 2016

VIVENDO COM O INIMIGO.

Duas filhas são suspeitas pela polícia de planejar um assalto a casa do próprio pai em Guararapes (SP). Elas não são suspeitas, elas ja confessaram suas participações diretas nesse crime) Primeiro, criminosos armados invadiram a casa do comerciante, fizeram ele e uma filha de 14 anos refém, agrediram o homem com coronhadas e roubaram o dinheiro. Após investigações da polícia, foi descoberto que a dupla era mentora do crime. A polícia pediu a Justiça a prisão da filha mais velha do suspeito, mas ainda não saiu a decisão. Segundo a polícia, a quadrilha foi organizada pelas jovens, uma de 21 anos e outra de 17. As principais provas foram encontradas nos celulares delas. De acordo com a polícia, tudo foi combinado entre as duas e os assaltantes por mensagens.
No celular aprendido pela policia estavam
 todas as mensagens que confirmaram
 o plano e a participação das jovens.
Complicado quando um filho planeja
 e contrata ladrões para roubar
 a própria casa dos pais!
Em uma delas, um dos criminosos diz que se o pai dela atirasse, ele iria atirar também. “A filha mais velha criou o grupo e era a administradora. Por meio de um amigo dela, ela chamou indivíduos com passagem pela polícia e foi combinado assalto na sua própria casa”, afirma o delegado Alessander Lopes. A polícia acredita que o roubo foi planejado durante 40 dias e colocado em prática no fim do mês passado, no dia 27 de março. Os três homens entraram na casa do comerciante, levaram joias, dinheiro e armas. Para que ninguém desconfiasse do plano, também amarraram e ameaçaram as duas filhas da vítima.
Um mapa bem detalhado dava todas
 as coordenadas aos meliantes 
nessa ação criminosa na casa.
Em uma mensagem no celular a filha
 mais velha não amacia nem um pouco
 e manda os meliantes quebrarem
 o braço da mãe e o nariz do pai.
Segundo as investigações, as jovens mandaram fotos do cofre onde o comerciante guardava R$ 15 mil e as joias. Elas também enviaram um mapa da casa, para facilitar a entrada dos assaltantes. Ainda de acordo com a polícia, na noite do crime a filha mais velha chegou a dopar os cães da família para que não fizessem barulho e ainda incentivou violência contra o pai. “Após ouvir um dos autores que confessou a prática e a participação, a orientação da filha era que agredisse o pai durante o assalto”, diz o delegado. Durante o roubo o comerciante levou chutes e socos e várias coronhadas na cabeça. 
A moça teve uma enorme surpresa
 quando os policiais chegaram para
 prende-la, dai que caiu a ficha.
Ao receber a voz de prisão ela queria ir de
 taxi para a delegacia, dai os policias
 com "toda gentileza do mundo"
 colocaram-na no chiqueirinho da viatura.
No dia do assalto estavam na casa o pai, as duas jovens que planejaram o crime,  e uma irmã delas de 14 anos. Segundo a polícia, as jovens disseram em depoimento que cometeram o crime porque o pai teria pego um dinheiro delas que estava numa poupança e não queria devolver. “A filha mais velha acabou confessando e noticiando todo o fato e dando nome aos demais coautores do roubo”, afirmou o delegado. Cinco pessoas já foram presas, entre elas dois estudantes de direito. Parte dos produtos foram recuperados pela polícia. Os assaltantes e a filha mais velha foram indiciados por roubo qualificado e corrupção de menor. O inquérito vai ser encaminhado para a Justiça da Infância e Juventude por causa do envolvimento da menor. Segundo a polícia, o pai negou que tenha pego dinheiro das filhas. As investigações continuam e um suspeito está foragido.
Fonte G1 Noticias.
Postar um comentário