Visualizações de páginas da semana passada

TODAS AS POSTAGENS DO BLOG

OBRIGADO PELA VISITA, SEJA BEM VINDO, ESPERO QUE GOSTE, VOLTE SEMPRE.
Loading...

Pesquisar este blog

sábado, 21 de novembro de 2015

STRESS TEM CURA?

Estresse ou stress, é uma definição clinica sobre ás somas de respostas físicas e mentais causadas por determinados estímulos esternos, que permitem ao individuo superar determinadas exigências do meio ambiente e o desgaste físico e mental causado por esse processo. O termo estresse foi tecnicamente utilizado na física, onde designa á tensão e o desgaste  a que estão expostos os materiais,  foi usado pela primeira vez no sentido hodieno em 1936 pelo medico Hans Selye na revista cientifica Nature.
O ser humano precisa estar
 sempre alerta e preparado, para as  
diversas armadilhas do dia a dia
Ele pode ser causado pela ansiedade, pela depressão, angustia, devido á uma mudança brusca de vida e a exposição direta a um determinado ambiente profissional ou familiar conturbado, que leve a pessoa a sentir-se num isolamento pessoal, quando essa sensação  ocorrida por um certo intervalo de tempo pode causar danos irreparáveis ao organismo sensorial, com causas extremas de evasão com ligações  diretas á ansiedade e depressão. Quando os nossos mecanismos naturais de defesa passam a não mais responder aos estímulos  neurológicos de uma forma eficaz, aumentando com isso a possibilidade da ocorrência de doenças graves, como as doenças cardiovasculares, o grande antidoto para isso é uma plena harmonia com as pessoas o ambiente á natureza, e procurar se adequar ás mudanças, uma boa musica, massagens, e principalmente ser educado e  simpático sempre, dar um bom dia as pessoas não faz mal á ninguem.
Um sorriso espontâneo é um antidoto 
eficaz contra todo o mal, e renova 
todas as energias perdidas com 
 o desgaste do dia a dia.
Selye definiu dois tipos distintos de estresse, o primeiro o eutresse, que é a situação em que o individuo possui meios físicos e psíquicos de conseguir resolver devidas situações, e o distresse, que determina um esgotamento, onde á exigência e bem maior do que os meios para se resolver determinada situação. Mas o que é corriqueiramente utilizado é o termo estresse ou stress, que determina o sentido direto negativo ou positivo de todo o desgaste físico e mental, psíquico e emocional do corpo humano.
O professor-doutor  austríaco Hans Selye e suas teorias sobre á síndrome de adaptação geral, ou como popularmente conhecida, estresse.
Lembrando-se sempre que estresse significa um esgotamento do corpo, e que necessita de uma reação de adaptação a nova situação, ou como queiram, seria um meio natural de defesa ou de assimilação do corpo contra esse mal,  e todo esse caminho é percorrido por escalas que indicam o grau de deterioração dos mecanismos de defesa funcionais (o estresse também atinge os demais animais , por motivos variados, cativeiro, abandono, ruídos excessivos, maus tratos, etc).
Uma das maiores causas de estresse em
 animais, é o cativeiro.
Causas profundas desse mal localizam-se nos acontecimentos biográficos, onde o tempo e o espaço exigem uma profunda reestruturação de toda á  vida das causas que provocaram reações afetivo-emocionais de media á longa duração, sendo que esses acontecimentos poderiam ter sido positivos ou negativos, mas que propiciaram uma mudança radical em todo o comportamento. Os exemplos diretos para isso, casamento, nascimento, de um filho, morte súbita de um ente ou pessoa muito próxima, acidente, ser assaltado, sequestrado, sofrer uma tensão intensa por um tempo relativamente curto, opressão diversas, etc.
O excesso de trabalho também
 é uma grande causa do desgaste
 emocional nas cidades.
Também os traumáticos onde as pessoas ficam por determinado tempo invalidas por alguma doença ou acidentes e que acumulam com isso muita negatividade pelas condições impostas, os acontecimentos quotidianos também são os grandes causadores desse mal, que são experiencias bem ameaçadoras e magoantes, como por exemplo desemprego, dividas, problemas de saúde familiares, obesidade, frustração no amor, grandes perdas.  
Estar temporariamente invalido numa cama, 
não significa que o seu mundo acabou. 
 Em negócios, aparência, preocupações financeiras etc, e para finalizar também existem os estressores crônicos, vindos muitas vezes de experiencias familiares de outras gerações e que se acumularam com o tempo, de experiencias repetidas, como divorcio, separação da familia por motivo de trabalho, barulho excessivo, cores extravagantes (sim as cores também podem influenciar diretamente no comportamento humano, cores claras  simbolizam paz e tranquilidade enquanto que cores escuras trazem conteúdo de trevas, obscuridade, e podem repassar esse simbolismo ao ser humano e também para outros animais).Resumindo o estresse é o resultado negativo de todo conteúdo acumulado pelas diversas experiencias de perdas e atividades exigidas ao ser humano, sendo assim é um fato humanamente aceitável pelas circunstancias  e condições adquiridas as vezes contra a vontade do individuo, mas por um outro lado, as vezes  pessoas que possuem tudo do bom e do melhor. 
Uma bela paisagem natural pode curar
 qualquer mal, inclusive o stress.
Mas se sintam perseguidas ou no direito de mudar um comportamento ou procedimento apenas para satisfazerem seu auto-ego, eu me lembro de dois fatos que foram noticia algum tempo quando um instituto ambiental de Brasilia entrou na justiça contra á Paroquia de São Pedro de Alcântara, para proibição do uso do sino da mesma, lembrando que o uso dos sinos das igrejas tem sido um procedimento milenar, e nunca incomodou ninguém, e os 50 decibéis dos mesmos, não chegam nem perto dos decibéis diários dos loucos trânsitos das grandes cidades do mundo.
Um grande exemplo tipico de impassividade
 é a  serpente Naja, que só ataca quando é 
irritada, á ma noticia disso é que tudo á irrita.
E na cidade de Patrocínio Paulista interior de São Paulo, á justiça proibiu o galo de cantar, por compreender que o seu canto estava incomodando os moradores desta cidade,  um fato muito importante é que para conseguir-mos fugir de toda essa armadilha do estresse, é necessário que  o ser humano consiga se-adaptar e se harmonizar ás diversas condições do ambiente,  e através disto realizar uma escala de defesa contra qualquer condição imposta, pois se o individuo não tiver uma observação clinica sobre suas reais necessidades e condições de vida.
Outro exemplo de impassividade é calar 
o também milenar canto do galo.
 Ele corre o serio risco de se tornar um elemento  impassível por natureza onde nada esta bom e tudo lhe incomoda,  e tomando atitudes autoritárias, obsoletas  e egoístas,  com isso cair no ridículo, essas são duas noticias que comprovam o grande excesso de frescurite aguda, preciosismo, autoritarismo e hipocrisia, proibir o sino de uma igreja e proibir o canto do galo não são nada frente ao grande terrorismo sonoro das grandes cidades, se essas pessoas se incomodam com essas coisas tão irrisórias e banais,  o que farão quando por um motivo ou outro, tiverem que se mudar para uma cidade de 24 horas no ar, uma tipica cidade grande, com suas parafernálias  sonoras quotidianas dia e noite.
Fonte Ciência  Brasil.
Postar um comentário