Visualizações de páginas da semana passada

TODAS AS POSTAGENS DO BLOG

OBRIGADO PELA VISITA, SEJA BEM VINDO, ESPERO QUE GOSTE, VOLTE SEMPRE.
Loading...

Pesquisar este blog

segunda-feira, 1 de junho de 2015

"PARAISO DOS CRIMINOSOS".

Pasquale Scotti, um dos mafiosos mais procurados da Itália, foi preso na terça-feira (26) em uma operação da Polícia Federal e da polícia italiana. Ele será levado para Brasília, de onde segue para o Complexo Penitenciário da Papuda. Scotti foi preso, na Zona Oeste do Recife, depois de deixar os dois filhos na escola. O italiano estava no Brasil há 29 anos e usava documentos falsos, com o nome de Franciso de Castro Visconti. Ele tinha vários negócios no brasil, entre eles uma importadora de alimentos e uma boate. Segundo a Interpol, ele é apontado como líder da máfia napolitana, a nova camorra. Na Itália, foi condenado à prisão perpétua por 26 assassinatos. Agora, ele vai aguardar decisão do Supremo Tribunal Federal sobre a extradição para Itália, mas a decisão final é da presidente Dilma Rousseff.
O criminoso italiano vivia tranquilamente
 no Brasil sem ser incomodado ate
 ser descoberto pela Interpol.
Com identidade falsa ele se 
achava um ser intocável, e 
que nunca seria descoberto.
Não é de hoje que o Brasil tem sido o paraíso dos marginais vindos de fora, pois esses mesmos marginais ha muito tempo descobriram que as nossas leis são muito frágeis e tambem cheias de brechas facilmente utilizadas pelos advogados experientes. Foi assim com tambem mafioso do passado Tomaso Buschetta, que vivia tranquilamente em São Paulo ate ser descoberto, Dom Masino como era conhecido fechou com o ministério publico italiano uma delação premiada e mandou 75% da mafia para a cadeia, mas antes disso ele ficou um tempão vivendo aqui como um verdadeiro maraja. Outro tambem que se aproveitou dessas brechas foi o assaltante do trem pagador Ronnald Biggs, que 1963 realizou um dos maiores assaltos ate agora registrados na Grã Bretanha, ele sabendo da fragilidade das nossas leis, arrumou uma mulher brasileira e teve um filho com ela, e não precisou de mais nada. 
Ronald Biggs dava entrevistas 
como um astro de Holywood, e ria a
 vontade da cara de todo mundo, se
 achando o rei da esperteza.
Ate o dia que ele se cansou dessa
 vida bandida e se entregou a policia
 britânica para cumprir sua longa sentença.
Pois mesmo os investigadores da reconhecida policia britânica Scotland Yard saberem de seu paradeiro, mas nada podiam fazer pois nessa epoca não havia nenhum tipo de tratado reciproco de extradição de um foragido, e tambem pelo fato da sua namorada estar gravida  de um filho dele e nesse caso a nossa lei não permite a extradição considerando o elemento como "legitimo" cidadão brasileiro, e assim foi ate o dia que ele mesmo se cansou desa vida e se entregou as policia britanica para cumprir a sua sentença na Inglaterra. Estamos em 2015 e as leis continuam do mesmo jeito, mesmo com essa situação vexatória ao pais do marginal Ronald Biggs, tudo esta como antes, e nesse outro caso agora do mafioso Pasquele, praticamente ele vive a mesma situação do Biggs, pois se casou com uma brasileira e tem dois filhos com ela.
Acabou o reinado de crimes do mafioso
 sera mesmo? So depende do governo 
brasileiro assinar a sua deportação para a Italia.
A grande duvida é porque em um outro
 caso bem conhecido, um outro tembem
 criminoso italiano (Cesare Battisti), foi 
favorecido pela intervenção direta do
 presidente Lula a seu favor.
E mesmo apesar dele estar condenado a prisão perpetua na Italia  por diversos crimes, ele pode ainda sair rindo dessa situação. Logicamente existem os meios legais e diplomáticos que podem endurecem para o criminoso, (desde que haja o interesse do governo brasileiro em fazer isso) agora se mais uma vez o governo brasileiro (Dilma Rousself) amaciar para um criminoso assim tambem como ja o fez com o outro criminoso italiano Cesare Battisti, com 4 crimes de morte na Italia, condenado a prisão perpetua na Italia e na corte européia, ao qual o então presidente Lula lhe concedeu o "Status de Refugiado" dando-lhe salvo conduto para viver tranquilamente no pais e não responder pelos seus crimes na Italia, o governo ficara muito mais desmoralizado do que ja esta com os brasileiros, no exteriror, e com certeza sera o fechamento da tampa de seu caixão perante ao povo brasileiro.
Fonte Bom Dia Brasil.
Postar um comentário