Visualizações de páginas da semana passada

TODAS AS POSTAGENS DO BLOG

OBRIGADO PELA VISITA, SEJA BEM VINDO, ESPERO QUE GOSTE, VOLTE SEMPRE.
Loading...

Pesquisar este blog

sábado, 25 de abril de 2015

HORAS CONTADAS.

A família do paranaense Rodrigo Muxfeldt Gularte, condenado à morte na Indonésia por tráfico de drogas, foi informada oficialmente neste sábado de que ele será executado. A data das execuções, que são por fuzilamento, não foi anunciada. A lei indonésia prevê que os presos sejam informados com 72 horas de antecedência, o que foi feito neste sábado, disse à BBC Brasil Ricky Gunawan, advogado de Gularte.Assim, as penas poderão ser cumpridas a partir da tarde de terça-feira (horário local)Gularte, de 42 anos, foi preso em julho de 2004 após tentar entrar na Indonésia com 6kg de cocaína escondidos em pranchas de surfe.
A familia de Rodrigo tenta atraves dos
 seus advogados as ultimos argumentos
 para comoverem a justiça da Indonésia.
Entrar com drogas em um pais onde existe
 a pena de morte para esse crime, é ser demasiadamente ousado e burro.
 Ele foi condenado à morte em 2005.A família tentava convencer autoridades a reverter a pena após Gularte ter sido diagnosticado com esquizofrenia.Uma equipe médica reavaliou o brasileiro na prisão em março à pedido da Procuradoria Geral indonésia, mas o resultado deste laudo não foi divulgado. Ele poderá ser o segundo brasileiro a ser executado na Indonésia. Em janeiro, o carioca Marco Archer Cardoso Moreira foi fuzilado após ser condenado à morte por tráfico de drogas. Autoridades não divulgaram quais presos deverão ser executados. Dez condenados estão no corredor da morte, incluindo cidadãos de Austrália, França e Nigéria. Apenas um é indonésio.Representantes das embaixadas que representam os estrangeiros foram informados das execuções em reunião com autoridades da Procuradoria Geral em Cilacap, a 400 km de Jacarta, neste sábado.
Marcos Archer o outro condenado foi
 executado no dia 17 de Janeiro desse ano.
Ganhar dinheiro facil, esta custando
 muito caro ao jovem brasileiro.
Haviam compartimentos dentro 
das pranchas de surfe, onde 
era escondida a droga.
A cidade fica próxima à prisão de Nusakambangan, onde os condenados estão presos e as sentenças deverão ser cumpridas.Diplomatas brasileiros em Cilacap se encontrariam com Gularte na prisão ainda neste sábado para informá-lo da execução.O advogado de Gularte disse que entrará com recurso na segunda-feira para tentar reverter a decisão."Condenamos fortemente esta decisão. Isto prova que o sistema legal indonésio não protege os direitos humanos. O fato de que um prisioneiro com uma doença mental possa ser executado é mais do que um absurdo", disse. A mãe de Gularte, Clarisse, está no Brasil e não está claro se viajará à Indonésia, disse o advogado.
O presidente Joko Widodo, se mantem
 bastante linha dura contra traficantes 
de drogas e irredutivel em sua decisão.
Se havia um restinho de esperança, essa
 foi por agua abaixo devido a intervenção
 desastrosa da Presidente Dilma Rousself.
Sem querer entrar direto no merito da questão se ele merece ou não merece ser executado por fuzilamento, pois segundo a justiça da Indonésia ele merece e a soberania para isso é toda deles, agora o que devemos levar em questão é que alguns meses atras um outro brasileiro (Marcos Archer) tambem estava nessa mesma situação dramática, e o governo brasileiro atraves de sua Presidente da Republica Dilma Rousself em sua diplomacia nanica, devido a recusa do presidente da Indonesia em reconhecer o pedido formal de perdão ao condenado pelo governo, retirou o embaixador do pais em total truculência contra a decisão dele, (ao qual em nenhum momento se lembrou que havia um outro brasileiro tambem no corredor da morte),  e com certeza essa atitude grosseira e amadora, pesara ainda mais na decisão do presidente Joko Widodo, que se mostra bastante linha dura com traficantes de drogas, e irredutível em suas decisões.
Fonte MSN Noticias.
Postar um comentário