Visualizações de páginas da semana passada

TODAS AS POSTAGENS DO BLOG

OBRIGADO PELA VISITA, SEJA BEM VINDO, ESPERO QUE GOSTE, VOLTE SEMPRE.
Loading...

Pesquisar este blog

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

DINHEIRO AO POVO.

Coroado no mes passado, o novo rei da Arabia Saldita, Salman bin Abdul Aziz, decidiu presentar a população do país com a distribuição de bilhões de dólares, por meio de um decreto real. O valor dado aos sauditas pode ser de mais de 32 bilhões de dólares, afirma uma companhia de investimento consultada pelo The New York Times. Segundo o jornal, nenhuma medida do rei foi tão falada quanto os prêmios que ele dá para uma boa parte da população. Uma das doações, por exemplo, foi um bônus de dois meses de  salario para funcionários do governo, soldados, pensionistas e estudantes que dependem do governo (na Arábia Saudita ou em intercâmbio). 
A corrupção rouba desses coitados
 o pouco que eles possuem.
Enfim um politico (monarquista) 
que fala e vive a lingua do povo.

Os sauditas estão gastando bem o dinheiro recebido, diz o New York Times. Alguns compraram novos celulares, bolsas e viagens ao exterior. Outros pagaram dívidas, doaram para a caridade e compraram colares de ouro para suas mães. Alguns homens separaram dinheiro para casar com a primeira, segunda ou terceira mulher. Um saudita estava tão feliz que "cobriu seu filho com notas novas", afirma o jornal. De acordo com o site Vice,  não é a primeira vez que os prêmios generosos acontecem na Arábia Saudita. As doações podem ser usadas em momentos de crise.politica. Segundo o Vice, o rei Abdullah, irmão de Salman que faleceu em 22 de Janeiro,  doou US$ 35 bilhões em 2011 a um fundo social para financiar casamentos, começar negócios e comprar casas. A ação foi vista por muitos como uma tentativa de ganhar apoio diante do movimento da Primavera Arabe.
O lado pobre do mundo não tera 
nenhuma chance enquanto pessoas
 egoístas e corruptas comandarem as nações.
Nada mais do que justo que se faça isso, 
mas aqui no Brasil é diferente a corrupção
 politica possuí seus favoritos na distribuição
 do dinheiro, e o povo não é um deles.


 Salman bin Abdul Aziz já afirmou várias vezes que seguiria a mesma politica do irmão na parte social. Quem dera aqui em nosso pais tambem fosse assim, muito pelo contrario disso que o rei saudita realiza em seu pais. Aqui no Brasil é muito diferente disso, alem do governo não dar em troca quase nada do basico (que seria obrigatório) as melhorias sociais de uma assistência social que capenga em todos os setores. Alem de não ter nenhuma melhoria substancial que leve uma população a orgulhar-se do seu governo, que  ainda retira dos cidadãos muitos diretos sociais e trabalhistas conseguidos ha decadas, alem do fato que o governo eleito para defender os direitos da população, inverte esses valores e não realiza quase nada, e tambem se mergulha em casos e mais casos de corrupções escandalosa e deslavadas.
É vergonhoso o que esses maus
 administradores publicos fizeram 
com a nossa maior empresa, 
deveriam serem todos presos!
Enquanto essa malas estiverem 
cheias de dinheiro sujo do outro
 lado haverão barrigas vazias pela fome.
 Que destroem sua maiores e mais produtivas empresas como no caso explicito da Petrobras, nesse caso homérico de corrupção que ocorre nesse exato momento em nosso pais. São ditaduras escandalosas disfarçadas em democracia. Isso mesmo pois os ditadores agem dessa forma enquanto o seu povo se empobrece cada vez mais, eles os ditadores se enriquecem com o dinheiro publico e se esbaldam e luxurias e distribuem dinheiro para os seus coligados do mundo inteiro (menos para aqueles que realmente merecem...o povo sofredor) e tambem esses politicos se esquecem, que eles são apenas os empregados do povo ao qual o povo é o grande patrão, e que pode coloca-los no olho da rua por improbidade administrativa a qualquer momento.

Fonte Revista Exame.
Postar um comentário