Visualizações de páginas da semana passada

TODAS AS POSTAGENS DO BLOG

OBRIGADO PELA VISITA, SEJA BEM VINDO, ESPERO QUE GOSTE, VOLTE SEMPRE.
Loading...

Pesquisar este blog

domingo, 3 de agosto de 2014

"MANIFESTAÇÕES CULTURAIS"

O prefeito Fernando Haddad vetou (07/01/2014) o projeto de lei que proibia a realização de bailes funk em locais públicos. O projeto que acabava como os chamados "pancadões" havia sido aprovado pela Câmara Municipal e dependia da sanção do prefeito para virar lei. De acordo com Haddad, o artigo 5º do projeto, que previa encerramento das atividades musicais nas ruas até as 22h, inviabilizaria eventos como a Virada Cultural e a festa de Réveillon na Avenida Paulista.
Uma situação que sai totalmente fora 
do controle, pois tudo é realizado a ceu aberto!
Essas manifestações devem ser 
realizadas em espaços fechados 
e com horarios definidos.

O prefeito afirmou ainda que "o funk é uma expressão legítima da cultura urbana jovem, não se conformando com o interesse público sua proibição de maneira indiscriminada nos logradouros públicos e espaços abertos".Em nota, o autor do projeto, Coronel Camilo (PSD), deixou claro é a favor de toda manifestação cultural. “O funk é uma expressão legítima da cultura urbana jovem. Todavia, entendo que, em uma sociedade civilizada, os direitos de uns terminam quando começam os de outros, para que haja harmonia e respeito mútuo entre os cidadãos."
Nesse pancadões roda de tudo o que não
 presta, e as brigas são constantes!



"A minha expectativa agora é que a Prefeitura crie urgentemente operações conjuntas entre os agentes do Psiu, CET, subprefeituras e a GCM - e se necessário for até com o apoio da PM - para atender a grande demanda de reclamações referentes aos 'pancadões', senão o poder público cairá em descrédito", completou Camilo. Uma maneira bastante grosseira e conveniente do Exmo Sr prefeito Fernando Haddad, em tirar o corpo fora dessa situação e não colocar ordem e disciplina na cidade, permitindo com esse seu veto, que sejam realizados "pancadões" (que são ajuntamentos de pessoas com som alto, onde corre de tudo, drogas, bebidas alcoólicas, prostituição etc) pela cidade em qualquer horário, sem respeitar o descanso merecido da maioria da população que trabalhou o dia inteiro.
Veículos equipados com 
moderníssimos aparelhos de som,
 que não teem nada de cultural!
Em parte ate entende-se essa sua decisão de vetar esse projeto, pois ele muito bem sabe que esses pancadões são organizados em sua maioria pelo pcc. E quem é suficientemente louco a ponto de bater de frente com essa facção criminosa? Que deita e rola dentro e fora dos presídios faz tempo. Agora ha de-se convir tambem que existe a lei  292/2000, de 14 de Novembro, art.º 10.º do Código Civil 22:00 e as 7:00. (período noturno-45 dB) – 7:00 e as 22:00. (período diurno-55 dB) que disciplina essa pratica nos horarios  pré-definidos. E agora a prefeitura vai atropelar essa lei? E  ficar apenas assistindo de camarote e de braços cruzados toda essa bagunça generalizada  acontecer na cidade?
Depois de certo horario, a violência
 impera como soberana do lugar!

Com a desculpa esfarrapada de que essas são manifestações populares culturais! Alguns governantes e principalmente esse partido P.T., precisam começar a aprender a administrar com coerência e valorizarem os seus cargos, e seus compromissos sociais, pois é humanamente impossível de-se agradar a todos! E para uma cidade prosperar, é necessário que hajam leis para disciplinarem e organizarem os comportamentos das pessoas, pois senão tudo vai virar uma bagunça incontrolável! Se existe a lei ja descrita acima referente, que descrimina os horários pertinentes a qualquer manifestação popular, essa mesma lei deve ser cumprida!  E a prefeitura de São Paulo não pode ir contra a mesma! Sob uma alegação absurda de manifestação cultural!
O prefeito não proibe os pancadões e depois 
joga toda a responsabilidade no peito
 da policia, assim é facil de-se administrar!

O cidadão de bem possui seus horários  pre-estabelecidos socialmente  para tudo, se voce chegar em um banco para se atendido as 16,01Hs voce não sera atendido, se voce chegar atrasado no serviço, fatalmente tera um desconto em sua folha de pagamento, e assim por diante, portanto, em uma sociedade ativa e produtiva, não se pode permitir que pessoas aleatórias, promovam espetáculos, manifestações ou qualquer tipo de  reunião ao céu  aberto, sem nenhuma regra ou controle do Estado, se assim o for então não sera mais necessário de administração publica! E dai todo mundo fara o que bem entender! Sera que se acaso esses pancadões fossem realizados em frente da residencia do prefeito, ele ainda continuaria com essa opnião sobre os mesmos? Vereadores de São Paulo principalmente o vereador Coronel Camilo autor desse projeto,  enfim em ultima cessão (29/07/2014), aprovaram a lei que acaba com esse ditos pancadões, é assim que tem que ser a população inteira agradece.
Fonte Diario do Comercio.
Postar um comentário