Visualizações de páginas da semana passada

TODAS AS POSTAGENS DO BLOG

OBRIGADO PELA VISITA, SEJA BEM VINDO, ESPERO QUE GOSTE, VOLTE SEMPRE.
Loading...

Pesquisar este blog

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

P.C.P., "O INICIO DA AUTO-DESTRUIÇÃO"

END-LINKWS-LWT--



Paul o vidente da copa
Polvo-Vidente fez a previsão nesta sexta-feira (Foto: Reuters)







O inicio da auto-destruição
            
Estatísticas 
e Tendências:

Só os fumantes não acreditam que são:
· Nove mortes por hora.



· 80 mil por ano.
· 90% dos casos de câncer de pulmão. 
· 80% dos enfisemas pulmonares. 
· 25% dos infartos de miocárdio. 
· 40% dos derrames cerebrais. 
· 10 milhões de pessoas vão morrer nos próximos 30 anos, nas Américas. 
· Quatro milhões morrem por ano. 

Um maço de cigarros chamado death, ou seja 
morte em ingles, usar isso é o mesmo que 
ingerir veneno sabendo que ira morrer ou 
fracionar á morte em pequenas doses
Fumar um maço de cigarros por dia é o mesmo que voce 
ingerir uma grama do veneno chumbinho todo  dia, 
Á unica diferença é que o veneno fornecera um "saudavel suicídio"
E o cigarro além do suicídio, também  prejudicara outros 
Crianças morrem após comerem pão em escola, envenenado com ''chumbinho'', veneno para matar rato
A nicotina é altamente viciante. Os teores de alcatrão nos cigarros 
aumenta o risco de um fumador de câncer de pulmão, enfisema e doenças dos brônquios. O monóxido de carbono na fumaça aumenta o risco de doenças cardiovasculares. Grávidas fumantes têm um risco maior de aborto ou bebês de baixo peso ao nascer. O fumo passivo provoca câncer de pulmão em adultos e aumenta consideravelmente o risco de doenças respiratórias em crianças.

Sub-entende-se que fumante é todo aquele que
 faz uso dos tabacos, cigarro de palha, cachimbo, fumo de 
rolo, e todos os demais produtos inalantes conhecidos 
e liberados pela legislação vigente
Apresento-lhes o “Cigarro”
A fumaça do cigarro é uma mistura de aproximadamente 4.720 substâncias tóxicas diferentes; que se constitui de duas fases fundamentais: a fase particulada e a fase gasosa. Na fase gasosa é composta, entre outros por monóxido de carbono, amônia, cetonas, formaldeído, acetaldeído, acroleína. 

Nicotina - é a causadora do vício e cancerígena;


Benzopireno - substância que facilita a combustão existente no papel que envolve o fumo;


Substâncias Radioativas - polônio 210 e carbono 14;


Agrotóxicos - DDT;
Solvente - benzeno;


Metais Pesados - chumbo e o cádmio (um cigarro contém de 1 a 2 mg, concentrando-se no fígado, rins e pulmões, tendo meia-vida de 10 a 30 anos, o que leva a perda de capacidade ventilatória dos pulmões, além de causar dispnéia, enfisema, fibrose pulmonar, hipertensão, câncer nos pulmões, próstata, rins e estômago);



Níquel e Arsênico - armazenam-se no fígado e rins, coração, pulmões, ossos e dentes resultando em gangrena dos pés, causando danos ao miocárdio etc..;
O segundo passo da auto-destruição
Foto de pessoa algemada à garrafa de whisky

O Dr Markus Heilig disse. "Se você continuar a beber, ele vai empurrar o seu cérebro em um padrão patológico de ansiedade."
Em  querer o corpo o álcool,  porque ele se sente bem, quer porque não ter álcool fará com que o corpo se sentir mal. Isso é o que os cientistas chamam de "ânsia da droga negativamente reforçado", o corpo deve ter a correção química ou vai sofrer sintomas de abstinência.
Nos testes, a naltrexona não é particularmente eficaz em ajudar com a fase de emergência, nem é capaz de ajudar a reduzir a sensação de ansiedade que é sentida por todos os alcoólatras, quando colocado sob pressão. Esta ansiedade muitas vezes leva as pessoas a recaída em beber para aliviar a ansiedade.


Muitas campanhas atuais visam conscientizar os jovens a beberem com moderação. Mas um estudo internacional, publicado na última semana, revela que o número de adultos, com mais de 50 anos, que exagera na dose da bebida está aumentando.
A pesquisa, realizada em parceria com o governo junto a quase 11 mil norte-americanos e pessoas de todo o continente americano com pelo menos 50 anos, revelou que 23% dos homens e 9% das mulheres entre 50 e 64 anos ‘encheram o caneco’ no mês anterior.
Entre os adultos com 65 anos ou mais, mais de 14% dos homens e 3% das mulheres admitiram ter tido esse comportamento – definido como tomar cinco ou mais doses de álcool em uma única ocasião.

O abuso esporádico do álcool costuma ser visto como um problema juvenil. Um recente estudo do governo, apontou que, entre universitários de 18 a 24 anos, 25% admitiram uma bebedeira recente.
Mas as novas descobertas mostram que adultos mais velhos também são suscetíveis. As conclusões tiveram como base uma pesquisa nacional feita em 2005 e 2006.
Junto com a “bebedeira”, a pesquisa avaliou também o chamado consumo alcoólico de risco, ou seja, os hábitos relativos à bebida que podem ter um efeito nocivo sobre a saúde.
No estudo, esse comportamento foi definido como sendo o consumo de 


pelo menos duas doses por dia.




Entre as pessoas de 50 a 64 anos, 19% dos homens e 13% das mulheres eram bebedores de risco. Para as pessoas mais velhas, eram 13 e 8%, respectivamente.
A alcoolização eventual acarreta inúmeros riscos, como acidentes, comportamento violento, danos neurológicos e hipertensão. Com o avanço da idade, o consumo excessivo de álcool pode piorar o quadro de doenças crônicas.
Porém os pesquisadores notaram que a maioria das pessoas que se embebeda eventualmente não é dependente do álcool, o que pode fazer com que seu problema passe despercebido.
Os dados foram publicados pela revista “American Journal of Psychiatry” e divulgados pela Folha de S. Paulo.

Atenção
Á PARTIR DAQUI É PÉ NA COVA MESMO

Maconha (Cannabis Sativa), ou também erva do diabo, pela 
imensa destruição que causa ao ser humano. 

O usuário dessa erva maldita com o tempo fica com o rosto 
desfigurado, deformado irreconhecivel, esquecimento crônico, perda de coordenação motora, falta de apetite etc, fica como um zumbi e torna-se um escravo do vicio, fica desorientado e sem perspectivas de vida com o tempo seu organismo ira pedir doses mais altas da droga, que fara 
 ele se iniciar em uma outra droga mais forte para conter seu ímpeto vicioso
O THC tem uma propriedade bem curiosa, gruda em algumas moléculas das paredes dos neurônios de animais, até mesmo do homem, tais moléculas são conhecidas como receptores de canabinóides, quando ocorre a ligação o receptor opera sutis mudanças químicas dentro da célula, mas não se sabe dizer ao certo quais são elas. Em 1992, o pesquisador israelense Ralph Mechoulam descobriu o motivo pelo qual temos tal receptor. O receptor serve para ligar-se à outra molécula, a mesma fabricada pelo próprio cérebro, muito semelhante ao THC. A molécula foi batizada por Rauph de anandamida (ananda, em sânscrito, significa “felicidade”). Enfim, o cérebro produz uma substância com efeitos parecidos com os do THC, em doses bem menores.

Não se sabe qual a finalidade da anandamida no cérebro, mas está relacionada ao controle da dor. Pelo fato de haver receptores de canabinóides em células fora do cérebro, leva a pensar que a anandamida desempenha um papel mais abrangente do que parece.


Principais efeitos
Os efeitos causados pelo consumo da maconha, bem como a sua intensidade, são os mais variáveis e estão intimamente ligados à dose utilizada, concentração de THC na erva consumida e reação do organismo do consumidor com a presença da droga
Os efeitos físicos mais freqüentes são avermelhamento dos olhos, ressecamento da boca e taquicardia (elevação dos batimentos cardíacos, que sobem de 60 - 80 para 120 - 140 batidas por minuto).
Com o uso contínuo, alguns órgãos, como o pulmão, passam a ser afetados. Devido à contínua exposição com a fumaça tóxica da droga, o sistema respiratório do usuário começa a apresentar problemas como bronquite e perda da capacidade respiratória. Além disso, por absorver uma quantidade considerável de alcatrão presente na fumaça de maconha, os usuários da droga estão mais sujeitos a desenvolver o câncer de pulmão.
O consumo da maconha também diminui a produção de testosterona. A testosterona é um hormônio masculino responsável, entre outras coisas, pela produção de espermatozóides. Portanto, com a diminuição da quantidade de testosterona, o homem que consome continuamente maconha apresenta uma capacidade reprodutiva menor.
Os efeitos psíquicos são os mais variados, a sua manifestação depende do organismo e das características da erva consumida. As sensações mais comuns são bem-estar inicial, relaxamento, calma e vontade de rir. Pode-se sentir angústia, desespero, pânico e letargia. Ocorre ainda uma perda da noção do tempo e espaço além de um prejuízo na memória e latente falta de atenção.
Em longo prazo o consumo de maconha pode reduzir a capacidade de aprendizado e memorização, além de passar a apresentar uma falta de motivação para desempenhar as tarefas mais simples do cotidiano.

Cocaina, possui varios derivados, que são ainda
 bem piores do que ela mesma, á merla, o crack, dois deles

cocaína
(Pais, J. Machado. org; in Traços e Riscos de Vida;1999:136)
A cocaína é originária da folha da coca.

É frequentemete injectada, inalada ou tomada por via oral (sob  a forma de crack). Cria uma dependência psíquica grande e sendo injectada, cria também grande dependência física.

Em relação aos seus efeitos, o seu uso habitual cria excitação, autoconfiança e irritabilidade. A sobredosagem de cocaína, cria, por seu lado, uma reação ansiosa aguda, irritabilidade, depressão, sensações paranóides e psicose cocaínica (alucinações táteis), além da morte causada pela over-dose (dose excessiva).

A longo prazo, o consumo de cocaína provoca:  ulceração do septo oral, psicose e criminalidade.
Pedras de crack apreendidas pela policia com traficantes,
seu efeito no cerebro é devastador, de efeito hiper rapido 
causa dependência do usuário logo no primeiro uso,
os viciados nessa droga são os mais difíceis de serem 
curados, devido aos estragos que ela causa ao organismo
Agora á mais devastadora de todas as
 drogas do mundo
P.C.P.Fenciclidina, uma droga sintética 
de efeito altamente devastador
PHOTO OF PCP IN PILL FORM
Na sua forma pura, o P.C.P./Fenciclidina, é um pó branco cristalino que se dissolve facilmente na água ou em qualquer outro liquido, no entanto, á maioria do P.C.P.ao ser vendido na ruas pelos traficantes, possui uma serie de contaminantes que modificam á sua cor, fazendo com isso que ele se torne mais atrativo,esses vão do amarelo, vermelho, marrom, azul, etc, com uma consistência que varia de pó á uma massa pastosa.

P.C.P. também pode vir em comprimidos ou capsulas, usa-se cheirada, fumada,injetada,fumada,ou engolida.P.C.P.é mais comumente vendida como um pó ou liquido, é aplicado á um material de folhas tais como oregano, salsinha, hortelã, ou misturando-o com maconha no cigarro, esse coquetel do demônio.

 Consegue fazer o usuário desta, ter á sensação do corpo se desligar da alma, á diferença biológica desta e do crack, é que o crack literalmente transforma o seu usuario em um trapo, um lixo humano, desvicerando todo o seu carater, enquanto que o pcp, causa um efeito contrario, dando á sensação ao usuário dele ser um super-heroi apocalíptico, induzindo-o aos mais terríveis e mortais absurdos
Detalhe os assaltantes do Banco da America em Holliwood, em Los Angeles, U.S.A.naquele dia usaram P.C.P.na ação,
veja no link abaixo 

EFEITOS 
Dormencia,fala arrastada,perda de coordenação motora,movimentos involuntarios,alucinações auditivas,distorções de imagens, transtornos do humor graves,amnesia.Em alguns usuarios,o P.C.P.pode resultar em ansiedade aguda, sensação de morte iminente, paranóia, hostilidade violenta, e em alguns casospode produzir uma psicose indistinguivel de esquizofrenia, á utilização do P.C.P., esta associada á uma serie de riscos e muitos acreditam que ele seja uma das drogas mais perigosas de todos os tempos, e na escala da auto-destruição sem duvida éssa droga esta em primeiro lugar.
Outras drogas existentes


"Doentes crônicos"
Amy Whinehouse
Rafael Ilha
Uma da vozes mais lindas de todos
 os tempos 
Whitney Houston
whitney-houston
PÉSSIMOS EXEMPLOS
O ex-ministro de estado do governo Lula, Carlos Minc, ridiculamente dançou e pulou na marcha da maconha, o deputado federal do P.T. Paulo Teixeira também se mostrou á favor da liberação da erva, e o outro deputado federal pelo P.V.  Fernando Gabeira, discipulos diretos do capeta na terra, pregam constantemente á liberação dessa droga maldita, tudo isso para arrecadarem míseros votos nas eleições que devem valer mais do que as vidas humanas que se perdem com as drogas diariamente.

 E também enquanto milhares de doentes viciados e suas familias sofrem com esse terrível mal, deveriam eles com seus imensos prestigios junto á sociedade, criarem casas de recuperações ou então ajudarem na construção dessas, para resgatarem esses doentes e não acabar de executa-los, a que ponto chega o egoísmo do ser humano.
Ex ministro Carlos Minc, soltou á franga na polêmica marcha da maconha

carlos-minc

O deputado Federal Paulo Teixeira (P.T.), também se mostra totalmente favoravel á liberação da erva do diabo
Foto do deputado PAULO TEIXEIRA

E também o político pioneiro nessa campanha dos infernos, Fernando Gabeira do P.V.
Fernando Gabeira
Enquanto algumas pessoas lutam desesperadamente para se libertarem dos vicios, outros ditos seres humanos, os desencorajam e não contentes com isso, também usam das suas altíssimas influencias para distorcer  os fatos, tentando trazer uma informação errônea e perigosa para á juventude e toda á sociedade manipulavel.